08 de junho, de 2021 | 09:02

Dupla tenta matar homem na frente do filho no Esperança, em Ipatinga

Vítima foi atingida com três tiros, um deles acertou a medula espinhal e pode lhe deixar com sequelas graves

Enviada para o portal Diário do Aço
Populares ficam ao lado da vítima até a chegada do resgate do Samu, no bairro EsperançaPopulares ficam ao lado da vítima até a chegada do resgate do Samu, no bairro Esperança

Cleiton Horrane Gomes Andrade, o Toso, de 29 anos, foi alvo de disparos de arma de fogo no início da noite de segunda-feira (7) na rua Delfino Olívia, no bairro Esperança, em Ipatinga. Os criminosos, em uma motocicleta, abriram fogo contra a vítima que se encontrava na porta de casa na companhia de um filho, criança que por pouco não foi atingida pelos tiros.

Os policiais militares foram acionados para o local dos disparos, após várias ligações de populares realizadas para o telefone de emergência 190. Ao chegar ao endereço, os militares depararam-se com a vítima caída e com perfurações de tiros nos braços e no lado esquerdo do dorso.

Toso estava lúcido e contou que estava na porta de casa com o filho, quando apareceram dois indivíduos em uma moto de cor preta, com a aparência de ser uma Honda CG. O condutor estava com blusa vermelha e o carona com uma blusa preta.

Eles pararam em frente ao imóvel de Cleiton e o carona apontou uma arma de fogo, possivelmente uma pistola calibre 380 e abriu fogo. O pai conseguiu empurrar o filho para dentro de casa enquanto era atingido pelos tiros. Cleiton contou aos PMs que não teve tempo de identificar os autores, pois se preocupou em proteger a criança.

O homem caiu no local assim que foi ferido pelos tiros. Os criminosos fugiram na motocicleta sentido à rua Hortênsia e, em seguida, desapareceram acessando a rua Anis. Uma equipe de resgate do SAMU prestou os primeiros atendimentos ao ferido e o encaminhou ao Hospital Márcio Cunha.

Os médicos informaram aos policiais militares que o estado de saúde de Cleiton era estável, mas um dos tiros, o que acertou o dorso do tórax atingiu a medula espinhal e pode ter causado uma lesão. Ele será avaliado em outros exames e poderá ficar com sequelas.

No local do atentado, os policiais recolheram dois estojos vazios e um projétil de munição calibre 380, possivelmente da arma utilizada no atentado contra o Cleiton. A PM procura pistas sobre a motivação e se é algo relacionado aos antecedentes da vítima, com passagens policiais. Qualquer informação pode ser repassada via 190 ou 181, sem precisar se identificar.


Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário