06 de junho, de 2021 | 14:33

Alvo de tiros em Mesquita, adolescente é hospitalizado em estado grave

Divulgação
Apontado como autor, indivíduo de 26 anos estava em liberdade monitorada e volta para o cárcere após se envolver em tentativa de homicídio em MesquitaApontado como autor, indivíduo de 26 anos estava em liberdade monitorada e volta para o cárcere após se envolver em tentativa de homicídio em Mesquita

A polícia procurar pelo autor de uma tentativa de homicídio contra um adolescente de 17 anos, na cidade de Mesquita, no fim de semana. O crime foi registrado no loteamento Nova Mesquita, por volta de 4h de sábado (5). Dois indivíduos, um de 18 anos e outro de 26 anos estão relacionados como envolvidos na tentativa de assassinato, conforme apurou o Diário do Aço junto à Polícia Militar.

A Polícia Militar foi acionada com a informação, segundo a qual um jovem tinha dado entrada, no Pronto Socorro, em estado grave, atingido por disparo de arma de fogo na cabeça.

No local, policiais identificaram o condutor de uma caminhonete Hillux, um comerciante, que tinha levado a vítima ao hospital, na companhia de outras pessoas.

Já, em Mesquita, policiais foram informados que um grupo de pessoas se reunia na madruga de sábado, na porta de um bar, quando houve um desentendimento entre o adolescente e os outros dois envolvidos.

O proprietário do bar alega que estava no interior do estabelecimento “Chopperia Ponto da Resenha", quando escutou um tiro. Ao sair, foi procurado por pessoas que estavam na companhia do adolescente, pedindo socorro. O comerciante então ajudou, colocando a vítima em seu veículo e a levando até o Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga.

Todos os demais envolvidos foram identificados como testemunhas e apontaram os dois envolvidos, um de 18 e outro de 26 como autores da tentativa de homicídio gerada por causa da afirmação do autor, de 18 anos, segundo a qual o adolescente devia R$ 40 em entorpecentes.

Apontado como coautor do crime, o homem de 26 anos, estava preso até recentemente e deixou o regime fechado em função do Sistema Eletrônico de Execução e deveria estar em sua residência às 19h, proibido de frequentar bares e similares.

Já o indivíduo apontado como autor do tiro que deixou gravemente ferido o adolescente, por causa de uma suposta dívida de drogas, não foi encontrado nas buscas da polícia.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Pedrinho Perito

13 de junho, 2021 | 09:53

“? COMPLICADO, esse Mesquita além de ser feio, é droga pura e as autoridade e comunidade não fazem nada, só caminhar mais um pouquinho que em Joanésia eles gostam mais de drogas do que de doce de leite ninho, novamente, a PM, autoridades e comunidade não fazem nada, daí não cansado da ''viagem'' dão um pulo na '' ponte do Santo Antônio '' local, considerado pelas vias de acesso fácil para várias cidades, ali concentra o leva e trás, ali o ''pau quebra '' e novamente ninguém faz nada. Aí meu amigo, como se não bastasse, a pacata Braúnas, cidade deserta, o fim da rota do ''aço'' , drogas rolando, rolando e rolando solta, e cadê os PMs, autoridades e comunidades, a primeira, preocupada com caozinho supostamente vitima de maus tratos, Inversão de valores, falta de ferramentas e vontade de trabalhar. Itens necessários para conter o avanço da criminalidade e de doenças psico sociais como essas !”

Fim dos Tempos

07 de junho, 2021 | 11:45

“Esse é o fim de todos que escolhem essa vida.
Infelizmente é morte ou cadeia.”

Envie seu Comentário