27 de abril, de 2021 | 17:12

Poesia, palestra e oficinas na programação de aniversário da Biblioteca Central de Ideias

Para comemorar 16 anos de atividades, atrações de incentivo à leitura envolvem estudantes, educadores e comunidade

Divulgação
A Biblioteca Central de Ideias completa 16 anos de atividades: 15 mil associados e acervo de 9 mil livrosA Biblioteca Central de Ideias completa 16 anos de atividades: 15 mil associados e acervo de 9 mil livros

Em comemoração ao 16° aniversário da Biblioteca Central de Ideias, o Instituto Usiminas promove diversas ações para envolver estudantes, educadores, usuários da biblioteca e comunidade. As atividades comemorativas começam nesta quarta-feira, com a abertura das inscrições gratuitas da terceira edição do "Concurso Instituto Usiminas de Poesia", e também para a palestra especial e as oficinas de poemas. A iniciativa é realizada pelo Instituto Usiminas com o patrocínio da Usiminas, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Há 16 anos, a Biblioteca Central de Ideias foi fundada para atender a comunidade gratuitamente promovendo acesso à leitura e oportunidades de aprendizagem para todos, com base nos pilares que norteiam o trabalho educativo do Instituto Usiminas: investir na realização de iniciativas culturais e formativas que possam movimentar saberes múltiplos a partir de princípios de diversidade, equiparação de oportunidades de acesso e inclusão e valorização da vida, das artes e das ciências.

Para a diretora do Instituto Usiminas, Penélope Portugal, a participação dos estudantes e da comunidade na programação do aniversário da Biblioteca Central de Ideias é enriquecedora. “Estamos celebrando 16 anos de iniciativas que promovem a formação e o incentivo à leitura. A poesia é um gênero literário que encanta a todos. Com o concurso de poesia, além de toda programação, queremos estimular a produção da escrita e trazer mais leveza para o momento que estamos vivendo”, salienta Penélope.

Concurso de poesia

Com o objetivo de estimular a produção escrita de poesia, a Biblioteca Central de Ideias convida pessoas de todas as idades a se expressarem livremente sobre suas visões de mundo, por meio da criação de uma poesia, com o tema “O que pode uma biblioteca curar?”. As produções serão avaliadas pela escritora e doutora em Artes pelo Instituto de Artes da UNESP, Ângela Castelo Branco, da Casa Tombada, além de representantes do Instituto Usiminas.

Esta será a segunda edição do concurso de poesia com a participação de estudantes de escolas e faculdades de Ipatinga e região. O concurso será dividido em cinco categorias: estudantes do Ensino Fundamental II (11 a 14 anos), estudantes do Ensino Médio (15 a 18 anos), estudantes do Ensino Superior (pessoas matriculadas em curso de ensino superior) e pessoas associadas à Biblioteca Central de Ideias (jovens a partir de 11 anos, jovens a partir de 15 anos e adultos acima de 18 anos de idade).

Para se inscrever nas categorias de estudantes de Ensino Fundamental II, Ensino Médio e Ensino Superior, a instituição de ensino deve enviar a ficha de inscrição, contendo os dados da instituição, do aluno, ano que ele está cursando e, em anexo, a poesia. Para a categoria geral, será necessário enviar as informações sobre nome, telefone, endereço, idade e, em anexo, a poesia. O envio das inscrições deve ser feito, a partir de hoje até 19 de maio, pelo e-mail [email protected] Mais informações podem ser solicitadas pelo mesmo endereço eletrônico.

Divulgação
O projeto ''Delivery de Livros'' foi lançando em 2020, atraindo novos leitoresO projeto ''Delivery de Livros'' foi lançando em 2020, atraindo novos leitores
Palestra e oficina

A programação comemorativa de aniversário da Biblioteca Central de Ideias também vai contar com a palestra “A biblioteca além dos livros e disseminando leitura”, ministrada pela doutora em Educação, Walda Antunes, de Brasília (DF), na próxima terça-feira (04/05), às 19h, por meio de plataforma virtual.

A proposta é engajar as famílias numa cruzada pela leitura. Segundo a palestrante, não basta apenas saber ler e escrever e ser alfabetizado. É preciso saber fazer uso do que se apreende ao ler e escrever, respondendo às exigências de leitura das famílias, que é o mais legítimo núcleo formador de leitores, sem renunciar a satisfazer às necessidades peculiares de cada um de seus usuários.

As oficinas “Conversas ao redor do poema”, ministradas pela escritora Ângela Castelo Branco, da Casa Tombada, nos dias 5, 7 e 12 de maio, também integram as atividades comemorativas. A proposta é realizar três encontros independentes de conversas sobre um poema, que também poderiam ser chamadas “conversas ao redor dos vagalumes” ou “ao redor das mãos, dos furacões, dos dentes de leão”, segundo a escritora. Os três encontros serão sobre os temas: “Máquinas de escrever: poemas”; “Elogio das mãos”; e “Aulapoema: pode uma aula ser um poema?”. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo e-mail [email protected]

16 anos

Com cerca de 15 mil sócios atualmente, a Biblioteca Central de Ideias foi fundada no dia 28 de abril de 2005. Atualmente, possui acervo com mais de 9 mil livros, disponíveis para empréstimo gratuito. Com o lançamento do “Delivery de Livros”, em 2020, a Biblioteca Central de Ideias alcançou a marca de mais de 1 mil livros emprestados e entregues nas casas de leitores de Ipatinga e região, além de atrair 200 novos sócios. Com a iniciativa, leitores de Ipatinga, Timóteo, Coronel Fabriciano e Santana do Paraíso podem solicitar o empréstimo e receber os livros gratuitamente, em casa.

Para se associar à Biblioteca Central de Ideias é necessário apresentar documento pessoal, comprovante de endereço e foto 3×4. Mais informações pelo email [email protected] e pelo telefone 3824.3849.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Joao Batista Calixto

28 de abril, 2021 | 08:35

“LER POESIA NÃO PAGAM AS CONTAS NO FINAL DO MÊS .”

Envie seu Comentário