21 de janeiro, de 2021 | 16:45

Fiéis e familiares se despedem nesta sexta-feira do pastor Carlos Emídio, vítima da covid-19

Álbum pessoal
O pastor Carlos Emídio tinha 65 anos e deixou esposa e quatro filhos O pastor Carlos Emídio tinha 65 anos e deixou esposa e quatro filhos

Está agendado para as 10h desta sexta-feira (22), no cemitério Vale da Saudade, em Coronel Fabriciano, o sepultamento do corpo do pastor Carlos Emídio Sabino, de 65 anos.

Emídio era superintendente das Igrejas Betânia do Vale do Aço e morava em Coronel Fabriciano. Sua partida hoje foi lamentada por amigos e fiéis que postaram mensagens de pesar durante todo o dia nas mídias sociais, conforme acompanhou o Diário do Aço.

O pastor foi diagnosticado com a covid-19 e estava internado no Hospital Unimed, onde ficou entubado por sete dias. Com o pulmão duramente atingido pelas complicações provocadas pela infecção, ele não resistiu e morreu na manhã de quinta-feira (21). Emídio deixou a esposa Maria Lucia Sabino e quatro filhos: Jessé, Thiago, Damaris e Daniel.

Nota publicada pelo Conselho Nacional da igreja, do qual Emídio já foi presidente, lamenta a perda. “Com sentimento de tristeza, porque agora viveremos sem a maravilhosa companhia, alegria, risadas, conselhos maravilhosos e eficazes, ponderações, o equilíbrio que ele trazia para as reuniões, a motivação de ver alguém que mesmo com a idade tinha o vigor ministerial de um jovem”, enfatiza.

“À família, queremos que saibam o quanto amamos ele, e o quanto nos importamos com vocês. Que vocês sempre terão na Betânia nossa lealdade, cuidado e apoio para o que precisarem, em razão do que foi semeado em nossas vidas pelo pastor Carlos Emídio”, conclui a nota.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Christiano Andrade Carvalho

22 de janeiro, 2021 | 14:16

“Vergonha destes gestores que se curvando aos empresários estão cometendo um genocídio. Fecha tudo. Igreja, academia, deixa alimentação , transporte, medicamentos. Ainda esta a tempo de salvar várias vidas.”

Boa Noite

21 de janeiro, 2021 | 22:31

“Amigo o que dói é saber que um país rico em muitas coisas e pobre de administração depender de um país como a Índia...”

Gildázio Garcia Vitor

21 de janeiro, 2021 | 17:25

“Meus sinceros sentimentos aos familiares, amigos e fiéis do Pastor Carlos. A "salvação" para Crentes e Ateus, por enquanto, está nas vacinas, mas ainda vai demorar muito para que atinja o nível necessário de imunizados, que, segundo os cientistas, serão no mínimo 160 milhões de brasileiros e, consequentemente, 320 milhões de doses. Portanto, só faltam 312 milhões, considerando que a Índia está nos enviando hoje as prometidas duas milhões.”

Envie seu Comentário