16 de janeiro, de 2021 | 08:00

Divulgada lista de potenciais beneficiários de apartamentos de residenciais no Planalto

Divulgação
Conforme o governo ipatinguense, os apartamentos já estão com 79% das obras concluídasConforme o governo ipatinguense, os apartamentos já estão com 79% das obras concluídas

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), nos termos da nova Portaria MDR/GM nº 2.081, de 31 de julho de 2020, disponibilizou a lista preliminar dos potenciais beneficiários (Faixa I, com renda bruta familiar de até R$ 1.800,00) para os 496 apartamentos em construção nos residenciais Planalto I e II, em Ipatinga, divulgou a administração local.

De um total de 31 mil famílias cadastradas no CadÚnico Municipal, e que se encaixavam em exigências estabelecidas pela nova Portaria MDR/GM nº 2.081/2020, o Ministério do Desenvolvimento Regional selecionou 992 beneficiários, ou seja, 496 titulares e 496 suplentes. O próximo passo é a reunião de documentos dos beneficiários pela administração municipal, de acordo com os critérios e requisitos estipulados pela Portaria MDR/GM nº 2.081/2020 (itens 3.2 e 3.3), para posterior análise e a aprovação pela Caixa Econômica Federal, resultando na relação definitiva.

A lista com todos estes nomes está disponível no site da Prefeitura de Ipatinga.

Contato direto
A administração ipatinguense informou que vai entrar em contato direto com os pré-selecionados para que possam entregar a documentação para abertura do processo e posterior assinatura do contrato. Por enquanto, não há necessidade de que ninguém se dirija à prefeitura.

Das 31 mil famílias que fazem parte do banco de dados do Cadastro Único de Ipatinga, 11 mil pagam aluguel. “O compromisso da administração é trabalhar de forma intensiva para zerar o déficit habitacional no município”, disse o prefeito Gustavo Nunes (PSL).

Os imóveis
Os apartamentos já estão com 79% das obras concluídas, destaca o governo. A previsão de entrega das unidades é novembro de 2021. O empreendimento está sendo realizado pela empresa Master Construtora e Incorporadora Ltda e é composto por 496 apartamentos distribuídos em dois condomínios, Residencial Planalto I (16 blocos, 256 unidades habitacionais) e Residencial Planalto II (15 blocos, 240 unidades habitacionais), totalizando 31 blocos de apartamentos com 16 unidades cada. As unidades habitacionais têm área privativa de 41 m², com dois quartos, sala conjugada com a copa, cozinha conjugada com a área de serviços, e banheiro.

A área do condomínio é composta por via externa para acesso, guarita, ruas internas, área de resíduos sólidos (ARS) secos e molhados, área de playground e academia ao ar livre, centro social, quadra e vagas de garagem.

Do financiamento
Após assinatura do Contrato de Financiamento relativo aos apartamentos com a Caixa Econômica Federal, os contemplados pagarão 120 parcelas pelos imóveis que variam entre R$ 80 a R$ 270, dependendo da renda familiar bruta, obedecendo a Portaria Interministerial nº 99/2016, explica o governo.

Nova portaria
Com a nova Portaria do MDR, a seleção dos candidatos, que era realizada anteriormente por meio de sorteio, pelo município, passou a ser gerada pelo Governo Federal, por meio do Cadastro Único.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Domingos

18 de janeiro, 2021 | 17:41

“onde verificamos a lista dos comtemplados..podem nos informar”

Nina

18 de janeiro, 2021 | 15:09

“Gostaria de saber qual foi o critério usados,pois tem muita maracutaia nessa divulgação ,deviria ter feito o sorteio ao vivo ,pela rede social , usavam as redes pra campanha , porque não fez o sorteio.”

Aparecida

18 de janeiro, 2021 | 01:55

“Sou moradora do nova esperança em Ipatinga MG, próximo aos apartamento que fizeram, vcs deveriam abrir uma investigação , estão vendendo apartamento , pq a maioria tem moradias próprias . Deveria ter feito visitas aos contemplado nós endereço que foi feito a inscrição, para ver se realmente precisa . Os apartamentos estão TDS fechados . Enquanto quem precisa,não conseguiram . E outra reveja a lista dos contemplado ,pq tem moradores dos apartamentos novos do nova esperança, que foram ganhadores denovo . Governo federal e municipal estamos de olho . Estão invadindo os apartamentos vazios ,nem caixa econômica federal nem prefeitura e nem o governo federal estão indo lá pra ver . Está a Deus dará .”

Leonardo

16 de janeiro, 2021 | 13:46

“A população que tem de tomar vergonha na cara e não sair fazendo filhos .... parar de invadir área pública... governo não tem que dar casa... tem que dar emprego... qualificar as pessoas....”

Marcelo Luciano

16 de janeiro, 2021 | 11:03

“Nossos governantes deveria ter vergonha na cara de fazer apartamentos tão pequenos e ali dentro colocar famílias com quatro, cinco e até mais pessoas. Se a coisa avançou no quesito infraestrutura, ainda peca, e muito nesta questão do tamanho dos imóveis, Alguém precisa ver isso e dar a essas pessoas uma casa no tamanho adequado para elas.”

Envie seu Comentário