03 de dezembro, de 2020 | 10:59

Um morto e um gravemente ferido em acidente com moto, em Fabriciano

Enviada para o portal Diário do Aço
Weslem não resistiu e morreu no local do acidente com a motocicletaWeslem não resistiu e morreu no local do acidente com a motocicleta

O Corpo de Bombeiros Militar e a Polícia Militar atenderam na manhã de quinta-feira (3), um grave acidente registrado na rua Minas Gerais, no bairro Mangueiras, em Coronel Fabriciano. Morreu na hora, Weslem Inácio da Silva, de 37 anos, e ficou ferido gravemente Christian Caio Axer, de 16 anos. A moto em que estavam se chocou com um poste de iluminação pública.

O acidente aconteceu por volta das 6h30 entre os bairros Mangueiras e Amaro Lanari. As vítimas caíram na pista depois de colidirem contra o poste da rede elétrica. Com a chegada do resgate constatou-se que Weslem já estava sem sinais vitais. Ele apresentava sinais de traumatismo craniano, e fraturas nos braços e exposta na coxa esquerda.

A outra vítima estava viva, mas com ferimentos graves e inconsciente. Christian foi imobilizado e encaminhado rapidamente ao Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, onde uma equipe médica, já informada da situação pela Central do 11º Batalhão de Bombeiros Militar, já aguardava o ferido.

A Polícia Militar, responsável pelo registro do acidente, verificou que o condutor da moto teria atingido o meio-fio da via e, sem controle direcional da motocicleta, bateu contra o poste. O corpo de Weslem, que morava no bairro Santa Terezinha, em Fabriciano, foi removido ao Instituto Médico-Legal (IML) de Ipatinga após os trabalhos da perícia da Polícia Civil.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário