15 de novembro, de 2020 | 14:00

Lewis Hamilton se torna heptacampeão mundial

Reprodução Twitter Lewis Hamilton
Inglês venceu o GP da Turquia e se tornou heptacampeão mundial da categoria, igualando a marca do alemão Michael SchumacherInglês venceu o GP da Turquia e se tornou heptacampeão mundial da categoria, igualando a marca do alemão Michael Schumacher

Esse domingo (15) vai ficar marcado na história da Fórmula 1. E o responsável é o britânico Lewis Hamilton. O piloto da Mercedes venceu o Grande Prêmio da Turquia e se tornou heptacampeão mundial da categoria, igualando a marca do alemão Michael Schumacher como o maior vencer da história da Fórmula 1. Além do título, faturou também a 94ª vitória, aumentando outro recorde que já era dele.

Apesar de largar apenas em 6º lugar, Hamilton sofreu durante boa parte da prova deste domingo, quando a pista estava molhada, mas começou a ganhar terreno à medida que o asfalto secava. Optou por manter-se na pista, enquanto os adversários trocavam os pneus. Ultrapassou o mexicano Sergio Pérez, da Racing Point, que finalizou a prova em 2º. Sebastian Vettel, da Ferrari, fechou em 3º e foi ao pódio pela primeira vez na temporada.

O finlandês Valtteri Bottas, o único que ainda poderia adiar a definição do campeonato, chegou apenas em 14º.

Essa foi a décima vitória em 14 corridas na temporada do britânico Lewis Hamilton. Heptacampeão, ele soma 307. Bottas tem 197 e ainda pode ser ultrapassado na tabela de classificação pelo holandês Max Verstappen. O piloto da RBR, 6º na prova deste domingo, tem 170 pontos. (Agência Brasil)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário