22 de outubro, de 2020 | 09:01

Hyuri Luna e a magia da viola

Convocatória ENARTCinho de vídeos para as crianças mostra novo trabalho

Quem foi que disse que a viola caipira não faz parte do imaginário infantil? Será assim, dando uma roupagem nova a muitas músicas que fizeram e ainda fazem parte da infância de muitas pessoas, que o cantor e violeiro Hyuri Luna irá se apresentar no penúltimo vídeo da convocatória ENARTCinho para as crianças.

O vídeo ‘Hyuri Luna e a viola Caipira Mágica’ irá ao ar no domingo (25), às 16h, nos canais do Hibridus e da Aperam no Youtube.

Divulgação/ACS GHD
O violeiro, cantor e compositor Hyuri Luna, de Ipatinga para o BrasilO violeiro, cantor e compositor Hyuri Luna, de Ipatinga para o Brasil
Hyuri Luna é um jovem cantor, compositor e violeiro ipatinguense. Em 2011 começou a tocar e em 2013 abriu a carreira artística se apresentando no recital “Prata da Casa”, no teatro do Centro Cultural Usiminas. Agora leva a sua música a novos públicos e espaços, em nível nacional.

Seu repertório se baseia em músicas sertanejas e caipiras de raiz, com novos arranjos, além de músicas autorais. O jovem atuou como professor em entidades e projetos como o de “Formação Musical e Cidadania”, realizado pela ONG Associação de Amigos da Cultura (Assamic).

Deu aulas de viola caipira na Associação dos Aposentados e Pensionistas de Ipatinga (AAPI) e no projeto Toque de Viola, e aulas de violão no projeto Toque e Se Toque, na Obra Redentorista de Coronel Fabriciano.

Viola Caipira Mágica
O projeto foi montado com um repertório com músicas de temas infantis consagradas da MPB, que foram e ainda são sucesso para muita gente, por conterem letra, harmonia e grande comunicação. Além disso, um cenário especial foi preparado para conquistar o público infantil.

A edição do vídeo foi trabalhada de forma a criar animações gráficas, de forma a conduzir as crianças à magia lúdica da música. O diferencial é que Hyuri Luna escolheu músicas que não foram escritas originalmente para viola caipira, que foram adaptadas e ganharam novos arranjos.

Convocatória ENARTCinho
Promovida pelo grupo ipatinguense Hibridus Dança como parte do Encontro de Dança Contemporânea de Ipatinga (ENARTCi), em um momento de pandemia e distanciamento social, a convocatória ENARTCinho visou selecionar vídeos dos artistas dos Vales do Aço e do Jequitinhonha, em trabalhos voltados às crianças e à infância.

Divulgação/ACS GHD
O repertório do vídeo foi escolhido e as músicas ganharam novos arranjos voltados ao público infantilO repertório do vídeo foi escolhido e as músicas ganharam novos arranjos voltados ao público infantil
Foram selecionados 12 vídeos de várias áreas, incluindo dança, teatro, música, contação de histórias e circo.

Através do ENARTCinho, o Grupo Hibridus fomentando às artes e formando um público focado no universo das crianças, tão afeitos às novidades e que, neste momento, assim como ocorreu com os artistas, tiveram suas atividades interrompidas por recomendação dos órgãos da saúde.

Este será o penúltimo vídeo do projeto, que já se desdobra para pensar em novas ações e possibilidades de fácil acessibilidade que possam contribuir com os públicos possíveis que se interessam em conhecer e assistir as criações artísticas desenvolvidas na região.

Todos os vídeos estão salvos e disponíveis ao público nos canais do Hibridus Dança e da Aperam no Brasil no Youtube.

SERVIÇO:
O vídeo “Hyuri Luna e a Viola Caipira Mágica” será exibido domingo (25), às 16h. Nesta sexta-feira (23), às 18h30, haverá uma live com Hyuri Luna pelo Instagram do Hibridus Dança, com o artista falando sobre a sua participação na Convocatória ENARTCinho 2020.

Para acompanhar a programação basta inscrever-se nos canais: https://www.youtube.com/channel/UC5igkUwHiV_dGGmpV7JfZCg
https://www.youtube.com/user/aperambrmais. O projeto conta com patrocínio da Aperam No Brasil, via Lei de Incentivo à Cultura de Minas Gerais.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário