20 de outubro, de 2020 | 07:01

Gato é o primeiro animal infectado com coronavírus no Brasil

Caso é investigado em Cuiabá, no Mato Grosso

Um gato se tornou o primeiro caso confirmado de um animal infectado pelo novo coronavírus no Brasil. O bicho de estimação vive em Cuiabá, no Mato Grosso. A informação foi confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde.
Alex Ferreira/Arquivo DA
Contaminação de felino com o novo coronavírus reforça alerta pra que humanos isolados por causa da covid-19 se afastem também dos bichos de estimação Contaminação de felino com o novo coronavírus reforça alerta pra que humanos isolados por causa da covid-19 se afastem também dos bichos de estimação


O caso é investigado pela Unidade de Vigilância de Zoonoses (UVZ) de Cuiabá e o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs) da cidade reforçou a importância das pessoas infectadas pelo novo coronavírus ficarem isoladas também de seus animais de estimação.

Segundo, Moema Blatt, gestora do Cievs, os gatos podem manifestar a covid-19, mesmo que de forma praticamente assintomática.

Conforme noticiado pela imprensa de Cuiabá, o animal infectado é uma gata com poucos meses de vida. Além disso, mais um gato e um cachorro da mesma família também são avaliados como possíveis contaminados.

A contaminação de gatos tem ocorrido desde os primeiros meses da pandemia, mas no Brasil é uma das primeiras confirmações de contaminação animal. Em abril o caso de dois animais foram confirmados com diagnósticos positivos para a covid-19 nos Estados Unidos.

Depois disso, em maio, um estudo divulgado pela New England Journal of Medicine, uma renomada internacionalmente revista científica, confirmou que, de fato, o coronavírus é capaz de infectar gatos, como se suspeitada.

Segundo a pesquisa, é possível que haja a contaminação entre os animais, além das infecções provenientes de humanos. A informação é importante porque coloca os animais também como disseminadores da doença.

Pesquisadores, alertam, entretanto que, até o momento, não há nenhum caso e nenhum estudo científico que comprove a contaminação pelo novo coronavírus em humanos que tenha ocorrido por meio de uma transmissão animal.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário