10 de outubro, de 2020 | 09:55

Dia das Crianças com Bia Bedran

Contadora de histórias e arte-educadora é convidada especial em live

Nesta segunda-feira (12), Dia das Crianças, o Instituto Usiminas presta uma homenagem ao público infantil com uma live de Contação de Histórias especial, às 16h, na qual a cantora e arte-educadora Bia Bedran vai encantar as famílias com “Era uma vez, era uma outra vez, era sempre uma vez”.

A transmissão será feita ao vivo direto da casa da artista, no Rio de Janeiro, e poderá ser acompanhada pelo Instagram do Instituto Usiminas (@institutousiminas), com acesso gratuito.

Em performances teatrais, usando bonecos e adereços, Bia Bedran vai narrar, cantar e interpretar histórias e canções autorais dos seus 35 anos dedicados ao público infantil.

Divulgação/ACS CCU
Em Ipatinga, Bia Bedran é sempre um sucesso de públicoEm Ipatinga, Bia Bedran é sempre um sucesso de público
A artista atuou nos programas Canta-Conto, Baleia Verde e Lá vem História, na TV Cultura de São Paulo e TV Educativa do Rio de Janeiro, atualmente TV Brasil.

Bia é autora de 14 livros infantis e gravou e produziu 10 CDs e 2 DVDs, mesclando canto e a narrativa. Recebeu vários prêmios ligados à música e ao teatro ao longo da vida.

Referência na arte-educação, Bia Bedran esteve no palco do Teatro do Centro Cultural Usiminas e do Teatro Zélia Olguin em 2018 e 2019, em ações voltadas para famílias e educadores. Neste ano, participou da programação virtual do Em Casa com o Instituto Usiminas cantando as músicas “Boi da Cara Preta” e o “Anel”, em agosto e setembro.

“Em Ipatinga, a encantadora Bia Bedran é sempre sucesso de público. Ela marcou a infância de muitas gerações. Agora, o Instituto Usiminas a coloca em seu ‘palco virtual’ em uma live para comemorar o Dia das Crianças”, diz a diretora do Instituto Usiminas, Penélope Portugal.

Circuito Comunidade
Neste domingo (11), o Circuito Comunidade inicia as comemorações dos 58 anos da Usiminas, passando pelos bairros Ferroviários e Ideal.

A atriz Daniela Alves e o músico Vaninho Vieira vão dividir o palco itinerante para a intervenção artística “Um abraço na comunidade”, na qual contam a história da Usiminas e da Música Popular Brasileira.

Tal como as canções, a transformação siderúrgica busca soluções inovadoras. A Bossa Nova e a Usiminas surgiram na mesma época, avançando fronteiras, mirando o novo.

As iniciativas do Instituto Usiminas tem o patrocínio da empresa, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário