17 de setembro, de 2020 | 16:00

Tigrão em ação

Aurélio Caixeta

Divulgação
Aurélio CaixetaAurélio Caixeta
Tentando chegar forte para o reinício do Campeonato Mineiro do Módulo B, a movimentação está intensa no Ipatinga, com treinos físicos, técnicos e coletivos. E nada melhor para fechar a semana do que um jogo treino com o Democrata-GV, a Pantera, neste domingo, às 10h, no campo do CT do Cariru, com os portões fechados.

Com a chegada essa semana do atacante Lucão, de 21 anos, que veio do Cianorte (PR), o grupo agora tem 28 atletas e ainda não está fechado. O técnico José Ângelo ainda pode solicitar alguns reforços pontuais que achar necessários.

O foco principal é o acesso, e para isso o grupo tem que chegar forte, com as garras afiadas para enfrentar as cinco partidas que faltam e que são consideradas finais. É fundamental vencer logo o primeiro jogo, dia 10 de outubro, às 15h30, no Ipatingão. Que venha o Democrata Jacaré.

COELHO PERTO DAS OITAVAS
Mesmo com o desfalque dos zagueiros titulares Messias e Eduardo Bauermann, o América foi aguerrido e encarou a Ponte Preta de igual para igual na noite da ultima quarta-feira, em Campinas, conseguindo empatar em 2 x 2, com gols de Marcelo Toscano e Felipe Azevedo. Um grande jogo e um excelente resultado.

O time de Lisca, técnico do único representante Mineiro na milionária Copa do Brasil, voltará a enfrentar a Ponte Preta no Independência, na terça-feira (22), às 21h30, e com uma vitória simples, avança para a oitavas de final e fatura uma grana de 2,6 milhões de reais. Em caso de um novo empate, a decisão de quem avança será nos pênaltis.

CRUZEIRO
Jogando nesse sábado, às 19h, no Estádio Rei Pelé, contra o CSA, o time azul vai tentar a segunda vitória na era Ney Franco. O time mineiro está em Alagoas desde ontem e vem com alterações na lateral direita e no ataque. De acordo com o técnico, o time vai para o campo com a mesma pegada da partida anterior, procurando o gol a cada minuto. É isso mesmo que a torcida espera.

ATLÉTICO EM GOIÁS
Com o status de vice-líder na tabela do Campeonato Brasileiro da Série A, o Galo de Sampaoli vai enfrentar o Atlético Goianense no estádio Olímpico Pedro Ludovico Teixeira, neste sábado, às 21h.

Mesmo com o problema do atraso de salários e sem que os reforços pretendidos pelo técnico tenham chegado, o time tem conseguido bons resultados. O outro Atlético, o de Goiânia, vem de uma vitória contra a Bahia, por 1 x 0, e uma derrota também por 1 x 0 para o Fluminense, este jogo pela Copa do Brasil. Mas tem se mostrado um time bem treinado e vai dar trabalho para o Galo.

UMAS E OUTRAS...
- Todos os medalhões que participaram da queda do Cruzeiro à Série B no ano passado estão carregando a maldição do rebaixamento, e não estão dando certo em lugar nenhum por onde passam, com exceção do lateral Egídio, no Fluminense, que apesar disso é muito criticado pela torcida tricolor carioca.

- Basta ver os casos de Thiago Neves, Fred, Edilson, Robinho, Sassá e outros, e até mesmo o retranqueiro que gostava de poupar jogadores, Mano Menezes, que estreou no Bahia, comandou dois jogos e sofreu duas derrotas. O técnico Adilson Batista também faz parte desse grupo. Como dizia meu pai, “o castigo anda a cavalo...” Ou seja, demora, mas não tarda. Por mostrarem características profissionais questionáveis, eles terão seus nomes ligados ao vexame do rebaixamento por muito tempo ainda.

- Jorge Sampaoli chegou ao Atlético querendo fazer uma seleção. Contratou jogadores caros, escolhidos a dedo por ele, e não para de pedir reforços. Vamos e venhamos: um time que se dá ao luxo de deixar Keno e Marrony no banco, realmente precisa de reforços?

Contatos com a coluna: e-mail - [email protected]
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário