Covid-19: micro de Ipatinga registra o menor índice de letalidade da macrorregião

Arquivo DA


A microrregião de Ipatinga, que atende outras 13 cidades, atingiu entre os meses de maio e setembro um índice de 2% de letalidade pela doença

O último boletim da Gerência Regional de Saúde (GRS), divulgado no dia 9 de setembro, aponta a microrregião de Ipatinga com o menor índice de letalidade pela covid-19 em toda a macrorregião.

De acordo com o gráfico, a microrregião de Ipatinga, que atende outras 13 cidades, atingiu entre os meses de maio e setembro um índice de 2% de letalidade pela doença. As demais microrregiões da macro - Coronel Fabriciano/Timóteo e Caratinga - apresentam uma porcentagem de 2,5% e 2,8%, respectivamente.

A micro de Ipatinga também apresentou o melhor resultado em relação aos números globais da macrorregião do Vale do Aço, no que diz respeito à taxa de letalidade. A macro registrou um índice de 2,3% nos últimos cinco meses.
Para a infectologista do município, Carmelinda Lobato, “o resultado é satisfatório e reflete a boa e correta assistência médica e hospitalar que Ipatinga vem fornecendo nesta pandemia”.

A profissional ainda lembra que a taxa de letalidade de Ipatinga pela covid-19 é menor que a média do Brasil, que hoje atinge 4%, ou seja, o dobro do município.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO