MDB de Timóteo escolhe Renato Martins como candidato a prefeito

José Constantino, Coronel, será o vice-prefeito da chapa

Divulgação

Em convenção realizada neste domingo (13), o MDB definiu o nome do médico Renato Martins como seu candidato a prefeito. A chapa, que tem dez partidos no total, terá José Constantino, popularmente conhecido por Coronel (PSD), como candidato a vice-prefeito. A plenária foi realizada na sede do partido, no bairro Olaria. O encontro contou com a presença do presidente estadual do MDB, deputado federal Newton Cardoso Junior, dos deputados estadual Celinho do Sinttrocel e federal, Enéias Reis, e também do ex-prefeito, Geraldo Hilário, que até semana passada disputaria a eleição, mas retirou seu nome e agora apoiará Renato.

Integram a chapa: PTB, PP, PSD, SOLIDARIEDADE, AVANTE, PSL, PCdoB, CIDADANIA, MDB, cada um deles com 23 candidatos a vereador. Renato Martins foi vice-prefeito no período de 2013 a 2016, ocasião em que, segundo ele, teve a oportunidade de conhecer a estrutura organizacional da prefeitura e grande parte das necessidades do munícipio. Seu plano de governo será pautado por meio das reivindicações e demandas dos cidadãos e cidadãs timoteenses, a partir de visitas e reuniões nos bairros, que tem ocorrido, conforme divulgou sua assessoria. O eixo central de seu governo, caso seja eleito, será saúde e educação qualificadas, além de um plano de desenvolvimento econômico com ênfase na geração de emprego e renda, e pela valorização dos servidores públicos.

Durante a plenária, Renato Martins destacou que “se a cidade está doente e precisa de um médico, vocês encontraram. Aqui está um médico empenhado e com muitas disposição de curar nossa cidade. Vamos Construir uma cidade com saúde pública de qualidade, mais educação para todos, desenvolvimento econômico e geração de emprego e renda, e não vamos esquecer da valorização dos servidores públicos. Essa é nossa prioridade. Nós podemos", afirmou.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Carlos César 15 de setembro, 2020 | 06:34
Que grupo: Renato, Geraldo Hilário, Coronel, Adriano Alvarenga, Celinho, Marcelo Afonso, Juninho Araújo, Ronilson, Guaraciaba, Newton Cardoso, Alexandre Silveira etc...
Tudo que há de ruim na política juntos e misturados.
Cristina 14 de setembro, 2020 | 19:26
O mesmo do sempre igual. Lorota que se ouve de 4 em 4 anos. Estes políticos sempre estiveram em Timóteo e não fizeram nada de produtivo para a cidade.
Jonailson Cabrito 14 de setembro, 2020 | 08:29
Acho engraçado "Fiscal" que não fiscaliza nada falando abobrinha. Faltou Adriano Alvarenga, Juninho Araújo e o Marcelo Afonso na foto. Todo mundo junto! Não sei porque uma família de médicos que tem renda de quase 100 k por mês vai querer me política.......
Márcio Bidi 13 de setembro, 2020 | 20:58
POLÍTICA NOVA ?AS ÚNICAS COISAS NOVAS, QUE ESTÃO AÍ SÃO;O PANO "BRANCO" E OS PÉS DA MESA QUE APARECERAM NA FOTO!!!
Kim Valverde 13 de setembro, 2020 | 19:30
É hora de termos servidores públicos valorizados. inclusive os aposentados, e ver atenção com o distrito industrial.
Estamos cansados da poluição do ar e resíduos acumulados numa cidade que não cuida sequer da limpeza. Será um novo tempo de políticas publicas voltadas para os cidadãos. É tempo de voltar as atividades culturais, os eventos esportivos, as festas tradicionais, revitalizarmos nossas potencialidades turísticas.
Timóteo precisa crescer de forma social e eco sustentável.
Igor Rabelo 13 de setembro, 2020 | 15:46
Grupo da velha política reunidos em um só propósito: destruir o que foi feito de bom na Cidade.
Governaram a cidade de 2008 a 2018, não tiveram a competências de inaugurar a UPA.
Tião Aranha 13 de setembro, 2020 | 15:36
Em plena crise de pandemia do coronavírus não é só a cidade que está doente, e sim, o país todo. Pandemia começa com P, e Política tb.
Armando Pinto 13 de setembro, 2020 | 15:23
Qual cidade que está doente? Outro médico! Ferrou!

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO