Justiça acata pedido celeste e bloqueia R$ 6,8 milhões de Wagner Pires e Itair Machado

O recurso do Cruzeiro no processo movido contra o ex-presidente Wagner Pires de Sá e o ex-vice-presidente de futebol Itair Machado foi acatado. Em despacho publicado nesta quinta-feira (13), o desembargador Marco Aurélio Ferenzini, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), autorizou o bloqueio de R$ 6.861.243,06 nas contas bancárias dos ex-dirigentes envolvidos em casos de corrupção apurados pela Polícia Civil e repassados ao Ministério Público. O Cruzeiro quer o ressarcimento de valores pagos à Futgestão Assessoria e Consultoria Esportiva Ltda, de propriedade de Itair.

O presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, comentou a notícia em uma live. em live no canal oficial do clube no YouTube. “Agora à tarde, no Tribunal de Justiça de Minas Gerais, a gente conseguiu uma ordem de arresto de R$ 6,8 milhões nas contas de Wagner Pires de Sá e Itair Machado. Eu falei para o Wagner: ‘Olha no espelho antes de você falar de má fé para cima do Cruzeiro e, agora, olha as suas contas também, porque nós vamos tirar centavo por centavo dela, para trazer o dinheiro do torcedor de volta’”, complementou Sérgio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO