Cruzeiro encara o Figueirense fora de casa

Bruno Haddad


Jogo no domingo será a oportunidade da Raposa começar a pontuar

Depois de zerar a pontuação na Série B, ao cumprir a pena imposta pela Fifa de iniciar o campeonato com seis pontos negativos (pelo não pagamento da dívida de 850 mil euros ao Al Wahda, pela contratação do volante Denílson, em 2016), o Cruzeiro pode finalmente começar a somar pontos. A primeira oportunidade será neste domingo, quando enfrenta o Figueirense no Orlando Scarpelli, às 16h.

Com o primeiro desafio cumprido, de zerar os pontos logo nas rodadas iniciais, o Cruzeiro precisa agora manter o 100% de aproveitamento para deixar logo a zona de rebaixamento. O time hoje ocupa o 18º lugar na tabela.

Conforme projeção do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) somar 64 pontos no campeonato é o necessário para retornar à elite do futebol brasileiro. Com essa pontuação, a chance de acesso é de 99,722%. Como o Cruzeiro partirá do zero, seria necessário um índice de 59,25% em 36 rodadas. Já para ser campeão, o time precisaria somar 74 pontos nos 36 jogos restantes, um aproveitamento de 68,5%.

A projeção para domingo é otimista, já que o Cruzeiro leva vantagem no confronto contra o Figueirense. Nas 28 vezes em que se enfrentaram, a Raposa venceu 14 vezes, empatou seis e perdeu oito. O Cruzeiro marcou 49 gols e sofreu 31.
Se repetir o time que vem atuando nas últimas rodadas, Enderson Moreira deve escalar Fábio; Raúl Cáceres, Leo, Cacá e Giovanni; Jean, Ariel Cabral; Régis, Stênio e Maurício; Marcelo Moreno.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

José Antônio 15 de agosto, 2020 | 19:07
A equipe está vencendo mas não tem jogado bem, esperando tomar gol do adversário para "partir prá cima", dando muita sorte quando tal fato acontece. É uma equipe que não tem ainda "fome de gol", deixando o ataque muito a desejar. A qualquer jogo destes vai tomar gol e não vai conseguir se sobrepor.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO