Comissão de moradores de ocupação se reúne com autoridades em Timóteo

Divulgação


Moradores levaram demanda ao prefeito nesta semana

O prefeito de Timóteo, Douglas Willkys, recebeu na manhã desta terça-feira (11) uma comissão de moradores de uma ocupação próxima à rua Candeia, no bairro Limoeiro, para ouvir as demandas. Eles procuraram a prefeitura em virtude de uma decisão judicial garantindo a reintegração de posse ao legítimo proprietário da área. O processo se arrasta na Justiça desde 2011. As informações são do governo local.

Ao contrário do dia anterior, quando os moradores promoveram uma manifestação na porta da prefeitura com faixas, carro de som e palavras de ordem contra atual gestão da Prefeitura, o clima na reunião desta terça-feira foi mais ameno, destacou o governo. Além do prefeito, estavam o vice-prefeito José Vespasiano Cassemiro, o Professor Vespa; os secretários de Governo e Comunicação, Ângelo Ribeiro; de Planejamento, Fabrício Araújo; o procurador-geral Humberto Abreu e técnicos que acompanham a questão de regularização fundiária no município.

O prefeito ouviu as reivindicações e colocações dos representantes dos moradores, que pediram uma intermediação do poder público para evitar que a ordem de despejo seja executada. Eles também querem permanecer na área de ocupação. Também foi solicitada que seja feita uma avaliação do terreno e a análise sobre a possibilidade de uma permuta com o proprietário. Mas para isso ocorrer, serão necessários estudos para verificar se há respaldo legal.

O prefeito lembrou que existe, por parte do comando da Polícia Militar, uma determinação de não executar ordem de despejo durante a pandemia da covid-19. Ele também sugeriu aos moradores que consigam uma agenda com o alto comando da Polícia Militar, por meio do representante deles na Assembleia Legislativa, reforçando o pedido para evitar a concretização da ordem de despejo.

“Deixamos a reunião com a certeza de que estamos diante de uma administração que se preocupa em resolver a situação”, disse o advogado dos moradores, Víctor Ferreira.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Cidadão 12 de agosto, 2020 | 13:25
Só no Brasil o povo invade terra dos outros e o Poder Público ainda dialoga com eles, como se fossem inocentes. Se alguma coisa não é sua, não mexa nisso. Vá trabalhar e com o suor do seu rosto, compre sua casa, seu pedaço de chão, e vá ser feliz com a sua família.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO