Cefet de Timóteo adia volta às aulas de forma remota para o dia 17

Divulgação


Para o retorno das atividades escolares, o Cefet trabalhará com o Ensino Remoto Emergencial (ERE) na instituição

O campus do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG), em Timóteo, retomará, a partir da próxima segunda-feira (17), as suas aulas de forma remota para os cursos de graduação e os programas de Educação Profissional Técnica de Nível Médio (EPTNM). Antes, o retorno das aulas estava previsto para esta segunda-feira (10), mas teve que ser adiado.

Conforme o diretor do Cefet de Timóteo, Erick Brizon, a ideia inicial era que as aulas remotas já fossem iniciadas nesta semana, mas houve o entendimento de que seria melhor dedicar esse período para orientações. “Nesta segunda-feira e ao longo da semana está sendo ‘oficialmente’ iniciado o ensino remoto, mas com apresentações e orientações aos alunos. Com isso, as aulas da graduação e dos cursos técnicos começarão no dia 17, de forma remota”, explicou.

Apresentação

Para o retorno das atividades escolares, o Cefet apresentou, no dia 10 de julho, em uma transmissão ao vivo, a implementação do Ensino Remoto Emergencial (ERE) na instituição. Todos os passos para a adoção deste tipo de ensino foram publicados em uma seção específica do site do Cefet. Em www.cefetmg.br/coronavirus/ensino-remoto-emergencial, os interessados poderão consultar as portarias que regem a adoção do modelo. Ao longo do processo de planejamento e implementação, novos conteúdos serão adicionados ao site.

Ensino remoto

O ensino remoto irá abranger todos os cursos do Cefet, como cursos técnicos, de graduação e de pós-graduação. As atividades semanais serão compatíveis com o ensino remoto para não sobrecarregar os alunos e os professores.

O ERE não será obrigatório para os alunos. Com isso, o estudante do Cefet poderá trancar sua matrícula total ou parcialmente, a qualquer momento. Ele também não será prejudicado na contagem de tempo para finalizar seu curso, conforme divulgado pela instituição.

Término

Conforme já divulgado, o término do primeiro semestre letivo está marcado para o dia 11 de dezembro. Já o início do segundo semestre letivo do Cefet está marcado para o dia 6 de janeiro de 2021, sendo que o término deverá ocorrer no dia 24 de abril do mesmo ano.

Bolsa

Na tentativa de viabilizar a participação dos alunos em situação de vulnerabilidade socioeconômica ao Ensino Remoto Emergencial, o Cefet vai pagar uma Bolsa Emergencial no valor de R$ 80/mensais a estudantes de todos os níveis de ensino (técnico de nível médio, graduação e pós-graduação).

Consta na Portaria nº 493/2020, publicada no dia 17 de julho, que, além da bolsa, serão “realocados recursos para aquisição de computadores e/ou outros equipamentos de informática necessários à participação no Ensino Remoto Emergencial”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO