Cidades mineiras na Onda Amarela reabrem a partir de hoje

Vale do Aço permanece na Onda Vermelha e com restrições para funcionamento de setores da economia

Entraram em vigor nesse sábado (8) as novas normas para a retomada das atividades econômicas em Minas Gerais, previstas no programa Minas Consciente. Os municípios que não aderiram ao plano permanecem no contexto da Deliberação 17.

A estimativa é que 670 cidades podem avançar para a onda Amarela do plano, na qual estão autorizadas, inclusive, abertura de bares e restaurantes para consumo no local. Desses municípios, 362 cumprem a determinação de ter menos de 30 mil habitantes e coeficiente de casos por 100 mil habitantes menor que 50 nos últimos dias.

Na edição do Diário Oficial do Estado de Minas Gerais, publicada dia 6/8, a macrorregião do Vale do Aço foi classificada como “Onda Vermelha” pelo programa “Minas Consciente” do governo estadual. Com isso, caso municípios como Ipatinga aderissem ao programa somente os estabelecimentos considerados “essenciais” poderiam funcionar.

Nesse contexto, o município permanece dentro das normas previstas na Deliberação nº 17, com normas sanitárias para permitir que parte do comércio e atividade produtiva funcionem.

Além do Vale do Aço as macrorregiões de Saúde Centro, Noroeste, Jequitinhonha, Nordeste e Leste estão na onda vermelha do novo plano. Nesses locais, está autorizada a abertura dos seguintes serviços:

- Supermercados, padarias, restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniência;
- Bares (somente para delivery ou retirada no balcão);
- Açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros;
- Serviços de ambulantes de alimentação;
- Farmácias, drogarias, lojas de cosméticos, lavanderias, pet shop;
- Bancos, casas lotéricas, cooperativas de crédito;
- Vigilância e segurança privada;
- Serviços de reparo e manutenção;
- Lojas de informática e aparelhos de comunicação;
- Hotéis, motéis, campings, alojamentos e pensões;
- Construção civil e obras de infraestrutura;
- Comércio de veículos, peças e acessórios automotores.

Números atuais da pandemia no estado



A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesse sábado (8) a atualização do boletim epidemiológico. Até o momento foram confirmados 150.723 casos de covid-19; estão em acompanhamento 28.126 pessoas e 119.148 se recuperaram da doença. Estão confirmados 3.449 óbitos.

Segundo o governo de Minas Gerais, em quase cinco meses de pandemia, o Estado de Minas Gerais já repassou cerca de R$ 1,2 bilhão para estruturar a assistência de Saúde nos municípios mineiros.



Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO