Dívida por Pedro Rocha é quitada

Divulgação Cruzeiro


O Cruzeiro quitou os 400.564 euros (R$ 2.535.551,29) devidos ao Spartak Moscou, da Rússia, pela contratação do atacante Pedro Rocha, em 2019. Com isso, o clube não será mais punido pela Fifa com o impedimento de registrar novos jogadores. O pagamento da dívida foi comunicada pelo presidente Sérgio Santos Rodrigues, em live nas mídias sociais. A dívida foi paga com o apoio de dois patrocinadores.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO