PRF apreende 10 Kg de cocaína que seriam entregues em Ipatinga

Entorpecente seria enviado de Belo Horizonte para o Vale do Aço

Divulgação PRF


As barras de cocaína prensada foram achadas escondidas em um Nissan

Os policiais rodoviários federais, lotados em João Monlevade, apreenderam no início da tarde de sexta-feira (24), cerca de dez quilos de cocaína. A droga estava escondida em compartimentos falsos de um Nissan Grand Livina, com placas de Belo Horizonte, abordada na BR-381. O entorpecente que seria entregue em Ipatinga.

O motorista, de 37 anos, foi parado por volta de 13h em uma abordagem de rotina na BR-381, em João Monlevade. Durante a fiscalização, os agentes da Polícia Rodoviária Federal perceberam o nervosismo do condutor do veículo.

Essa situação levou os policiais a intensificar as buscas no carro. Em um trabalho minucioso no interior do veículo foram encontrados aproximadamente dez quilos de cocaína escondidos em compartimentos falsos.

O homem, que informou ser motorista de aplicativo, disse que receberia a quantia de R$1.200 para transportar a droga, cujo destino seria a cidade de Ipatinga. Ele recebeu voz de prisão e o foi encaminhado com a droga apreendida para a delegacia de Polícia Civil, em João Monlevade.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Curto e Franco 24 de julho, 2020 | 17:10
Haa essa quantidade ai e isca pra enganar a policia , com certeza a quantidade maior veio por outo desvio .
Jampruca 24 de julho, 2020 | 16:13
sempre motorista de aplicativos. lero lero desgraçado desce a porrada nessas desgraças pra prender os patrao.



tem safado do vale do aço comandando de outros estados

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO