Unidades Básicas de Saúde de Timóteo passam a fazer teste rápido para covid-19

Divulgação


Dezesseis equipes do Programa Saúde da Família que atendem nas unidades de saúde em toda a cidade foram capacitadas a realizar testes em pacientes sintomáticos

A administração de Timóteo informa que ampliou as portas de acesso e atendimento aos moradores com suspeita de covid-19. Além do Centro de Referência ao Coronavírus, localizado no Centro de Saúde João Otávio, as 16 equipes do Programa Saúde da Família que atendem nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´s) em toda a cidade foram capacitadas a realizar testes em pacientes sintomáticos.

Em função do aumento do número de casos suspeitos para o novo coronavírus, especialmente nos últimos dias, considerados pelas autoridades médicas como o pico da pandemia, a Secretaria de Saúde promoveu o treinamento de médicos e enfermeiros capacitando-os no enfrentamento ao vírus.

Após avaliação médica, os usuários que apresentarem sintomas como febre, tosse, mal estar, perda de olfato, de paladar e dificuldades respiratórias passarão por teste rápido para covid-19 na sua unidade de referência. O secretário municipal de Saúde, Eduardo Morais, explicou que os profissionais foram capacitados pela médica infectologista da rede com a definição de protocolos e fluxos. Também está assegurado o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI´s) por estes profissionais como garantia de segurança.

“Não é o momento de criar pânico e dar ouvidos às pessoas que não entendem nada de protocolo em saúde e que só querem alarmar a população com desinformação. Estamos vivendo uma grave crise na saúde pública. Continuamos a trabalhar em equipe e conscientes de que todas as ações adotadas visam preservar vidas, acima de tudo”, reforçou o secretário.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Hermes 15 de julho, 2020 | 10:43
Parece que a prefeitura de Timóteo está se esforçando para piorar a infecção por Coronavirus entre a população mais carente, que já está neglicenciando a própria saúde, por medo de usar os serviços médicos do município e contrair a doença. Não faz sentido os testes serem aplicados nas unidades básicas de saúde se a antiga UPA foi remodelada com dinheiro de verbas federais para centralizar os atendimentos dos casos de Covid19. Não sei se essa medida é fruto de profunda irresponsabilidade dos administradores timotenses ou pura maldade. Lamentável!
Roberto 14 de julho, 2020 | 18:01
Deste jeito vai contaminar os servidores que estão trabalhando e ainda o povo , como crianças e velhinhos etc, o certo era que os profissionais já todo equipado , fosse até a casa da pessoa com sintomas e aí sim fazer o teste, aí poderia marcar pelo telefone, ou algum parente ou amigo fosse até posto de saúde informar os detalhes, pq imagina o deslocamento da pessoa contaminada, já doente , sem condições de andar,e maioria não tem veículos ou condições , se liga aí administração.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO