Prefeitura de Coronel Fabriciano será reformada

Obras que custarão R$ 1,4 milhão serão iniciadas na próxima semana

Divulgação


Obra de modernização da prefeitura deve durar cerca de quatro meses

A administração de Coronel Fabriciano comunica que avança com o projeto de recuperação e modernização dos prédios públicos. O próximo espaço a receber obras é o Paço Municipal. Inaugurado em dezembro de 1970, é a primeira vez que a prefeitura passará por uma reforma completa. A ordem de serviço foi assinada nessa semana pelo prefeito Marcos Vinicius, com o início das obras já na próxima semana.

O projeto foi elaborado pela Secretaria de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente e contempla desde a instalação de novas redes elétrica e hidráulica, acessibilidade completa, incluindo elevador a construção de nova recepção com controle de acesso, banheiros públicos e salas de reuniões. Também está previsto novo desenho no estacionamento, visando ampliar o número de vagas, serviço de paisagismo e revitalização da fachada, mantendo as características originais.

Para o prefeito, as obras de recuperação e modernização dos prédios públicos refletem o compromisso da gestão em assegurar espaços de qualidade para os servidores e população. “A nossa gestão construiu várias obras, mas também buscou recuperar a estrutura já existente visando uso inteligente em prol da população. Foi o que fizemos com o prédio da ‘Fundação’, a torre de 900 m² inacabada atrás do Paço Municipal e agora, o prédio principal da Prefeitura”, elenca.

A administração informa que já assegurou R$ 1,4 milhão para custeio das melhorias, via Programa de Modernização Administrativa e Tributária (PMAT). O prazo estimado de execução é de quatro meses. Primeiro, serão feitas obras na parte externa e fachada. Depois, a parte interna, andar por andar. “As equipes da prefeitura já estudam com a empresa licitada a melhor forma de minimizar os impactos e executar as obras sem comprometer os serviços”, explica Fabrício Farias, gerente de Planejamento Urbano.

A empresa licitada é Urbanos Construtora e Incorporadora Ltda, com sede no Vale do Aço. Seguindo uma recomendação do prefeito, no decorrer da obra, a empresa vai optar por contratar profissionais que residem em Fabriciano, detalhou o governo.

Atendimento ao público

Concluída a reforma, o prédio principal vai abrigar Fiscalização Tributária, Gerência Financeira, Cadastro e Dívida Ativa e a Secretaria de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente, incluindo os setores de atendimento ao público, como Aprovação de Projetos, Habitação, Meio Ambiente. Todos os andares contarão recepção, salas de reunião e banheiros.

O prédio principal será interligado ao novo paço municipal, que entra na reta final de obras. O novo paço conta com cinco andares, estacionamento subterrâneo, auditório com 145 lugares, área de convivência totalizando 2,3 mil m² de área construída. Até o final deste ano, com os dois prédios já concluídos e em pleno funcionamento. Com isso, a cidade ganhará um prédio público moderno, amplo, confortável e funcional para o servidor e para o cidadão, onde funcionarão todos os serviços administrativos num só local. Outro benefício é a economia para os cofres públicos com a mudança de setores que sempre funcionaram em imóveis alugados para “casa” própria.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Nilton Barreto dos Santos 12 de julho, 2020 | 15:15
Se manca Maria Silva. Quer continuar comendo as migalhas do PT?
José da Silva Miranda 11 de julho, 2020 | 21:10
1 milhão e meio para reformas com dinheiro público em plena pandemia é um absurdo ainda que necessário. Mas é ano eleitoral!
José Antônio da Silveira Drumond 11 de julho, 2020 | 18:47
Um prefeito como há muitos anos Cel. Fabriciano não tem. Muitas obras acontecendo, tanto as relacionadas com a saúde (novos postos de atendimento médico, UPAS, e com o Hospital Municipal) e também com a melhoria e manutenção de praças, limpeza da cidade, redes pluviais e de esgotos, e agora com o término do prédio da Prefeitura uma obra iniciada e não terminada pelas administrações anteriores, seguramente objeto de desvio de verbas, corrupção, e algo mais. Meu aplauso e voto para sua reeleição assegurado.
José 11 de julho, 2020 | 11:19
Bela atitude do Prefeito,quem reclama dessas melhorias,com certeza,deve ser dono de casas alugadas pela administração anterior.
Maria Silva 11 de julho, 2020 | 03:57
O povo morrendo, o prefeito escondendo, faltando UTI e o prefeito gastando com reforma milionária na prefeitura.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO