Robinho e Edílson deixam o Cruzeiro

Em nota oficial publicada na sexta-feira no site do clube, o Cruzeiro informou que os contratos com o meia Robinho e o lateral-direito Edílson foram rescindidos. O motivo para abrir mão dos experientes atletas, que participaram da temporada que decretou o rebaixamento do Cruzeiro à Série B do Campeonato Brasileiro é exclusivamente financeiro, destacou a nota.

“A realidade e necessidade de austeridade do Cruzeiro daqui pra frente nos impõe essa mudança. Um dos principais compromissos da nossa gestão é preservar a saúde financeira do Clube, e foi isso o que pesou na decisão. Continuamos, porém, atentos ao mercado para reforçar o elenco dentro da nossa realidade”, ressaltou o presidente Sérgio Santos Rodrigues.

Os dois jogadores recebiam salários acima do teto estipulado para o clube em 2020, que é de R$ 150 mil. Edílson tinha recebia R$ 500 mil e tinha contrato até dezembro deste ano. Com vencimentos de R$ 450 mil, Robinho tinha contrato até o fim de 2021.

Nas mídias sociais, Edílson disse ter ficado surpreso com a rescisão, mas lamentou não participar da reconstrução do clube.

“Desde o início do ano tenho feito todos os esforços para colaborar com o momento do clube e cheguei a reduzir meus vencimentos de maneira significativa. Também não foi a maneira que imaginei sair daqui”, postou o lateral. “Fica meu lamento pelo projeto não ter sido concluído da maneira imaginada. Mas com muito orgulho de ter jogado no Cruzeiro. A nova diretoria do Cruzeiro foi transparente e me tratou de maneira objetiva, elegante e respeitosa”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO