Unidade Básica de Saúde será inaugurada em Cocais

A Secretária de Governança da Saúde, Kátia Barbalho, reforça que a nova unidade trará um diferencial no atendimento

Divulgação


UBS leva o nome de Miguel de Arruda Lima, o Sr. Miguel, um pioneiro da localidade

A administração de Coronel Fabriciano inaugura nesta quinta-feira (14), em Cocais, a nova Unidade Básica de Saúde (UBS), que leva o nome de um pioneiro do lugar: Miguel de Arruda Lima, o Sr. Miguel. Um antigo posto da Polícia Militar foi reformado e ampliado, passando a abrigar a unidade, que por anos funcionou em um anexo cedido pela igreja católica, detalha o Executivo.

A Secretária de Governança da Saúde, Kátia Barbalho, reforça que a nova unidade trará um diferencial no atendimento. Segundo ela, o município vem ampliando dia a dia a atenção básica com foco na saúde da família e na qualidade de vida dos cidadãos. “Ampliamos a oferta de serviços, como exames e o atendimento domiciliar, que ganhou o reforço de novas equipes. Tenho certeza de que toda a população ficará muito satisfeita com mais este investimento da nossa gestão”, disse.

O prefeito Marcos Vinicius informou que a unidade foi feita com recursos próprios, aproveitando um imóvel que estava sem uso. Todas as adequações necessárias foram feitas pela equipe da Secretaria de Governança de Obras e Serviços Urbanos e o material, adquirido pela Secretaria de Governança da Saúde. “Nós não medimos esforços pela saúde. Não é por acaso que, em menos de 15 dias, estamos inaugurando duas novas UBS’s e muito em breve vamos entregar a UPA. É um esforço que não abrimos mão”, destacou.

Com um prédio maior e melhor estruturado, a nova UBS tem equipe multidisciplinar com médico, dentista, fisioterapeuta, nutricionistas, técnicos de enfermagem, enfermeiro e agentes comunitários de saúde. No local, há também salas individuais para os atendimentos, amplo consultório odontológico e mais, uma sala de fisioterapia exclusiva para atendimento no local. A unidade de saúde de Cocais de Cima não será desativada e continuará prestando os mesmo serviços atuais.

Homenageado

Após sugestão de moradores e projeto de Lei do vereador Beto Cavaleiro, a administração municipal escolheu Miguel Arruda de Lima como homenageado, dando nome à nova unidade.

Filho de Manuela Avelina e Joaquim Justo de Lima, Sr. Miguel nasceu em Cocais no dia 3 de agosto de 1935. Dedicou sua vida ao próximo, atuando como enfermeiro e ajudando centenas de doentes, tratando ou levando-os ao hospital. Líder comunitário e agricultor muito religioso, foi um dos responsáveis pela reforma da igreja católica da comunidade. Homem simples, alegre e cativante, gostava de contar histórias, tocava violão e integrava o grupo do batuque de Cocais. Morreu em 7 de abril deste ano, deixando viúva a Dona Maria de Souza Lima e 9 filhos.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Márcio 14 de maio, 2020 | 16:28
Parabenizo aos idealizadores desse projeto e pela iniciativa. Agora! Sugiro que façam a logística da UBS funcionar. Faz mais de cinco anos que Eu e minha esposa tentamos pelos caminhos legais um atendimento para um morador do Cocais, mas não conseguimos. Tratata-se de A.F.D, mais conhecido pelo apelido de "Véi". Pessoa acometida por um rebaixo metal que necessita de acompanhamento médico para uso de medicamentos. Pessoa que possui varicose que causam feridas profundas em uma das pernas e que compromete suas duas pernas. Recente em um acidente doméstico perdeu uma visão, limitando-o ainda mais. Ressalto que nos casos da varicose e perda da visão foi toda assistência médica conduzida particular por mim e esposa. Aí, na parte de assistência social que seria por conta da prefeitura, e não existe outro caminho, que não seja CRAS e secretaria de saúde o serviço não tem funcionado. Devido aos obstáculos ele não consegue ser cadastrado para receber auxílio BPC que é um direito dele. Será que alguém da Secretaria de Saúde/CRAS pode auxiliar?
Desenvolvimento 14 de maio, 2020 | 10:58
Parabéns a administração de Coronel Fabriciano pelo trabalho.
Sobre o imóvel que era usado como posto de saúde, como bem falado na reportagem o mesmo pertence a igreja católica que é proprietária de uma imensa área no Cocais, sem nenhum uso útil, o que impede o desenvolvimento e crescimento da comunidade, ajuda nós igreja católica, doa ou vende essa área deixem de egoísmo

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO