Países podem desistir de sediar Euro em 2021

Todas as cidades-sedes originais participarão de videoconferências a partir desta semana para discutir a logística do torneio para 2021

Divulgação Athletic Club Bilbao


San Mamés, em Bilbao, seria uma das sedes do torneio; porém a Espanha revisa decisão de receber os jogos

A Eurocopa 2020 seria realizada em 12 países diferentes, porém, com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e o adiamento do torneio para 2021, a ideia de múltiplas sedes pode ser revista. O tabloide britânico Daily Mail apontou que Roma (Itália) e Bilbao (Espanha) estariam pensando em abrir mão de sediar a competição. Os dois países são os que mais sofrem com a doença na Europa.

Todas as cidades-sedes originais participarão de videoconferências a partir desta semana para discutir a logística do torneio para 2021. Então, haverá o prazo para apresentação de documentos de garantias para a realização da competição no ano que vem. A definição das sedes deve ser tomada em 30 de abril.

Datas

A edição de 2020 teria jogos realizados em 12 cidades de 12 diferentes países: Londres (Inglaterra), Munique (Alemanha), Roma (Itália), Baku (Azerbaijão), São Petersburgo (Rússia), Bucareste (Romênia), Amsterdã (Holanda), Dublin (Irlanda), Bilbao (Espanha), Budapeste (Hungria), Glasgow (Escócia) e Copenhague (Dinamarca).

Em 17 de março, por causa da pandemia da Covid-19, a Uefa decidiu adiar a Eurocopa em um ano: marcada para ser realizada de 12 de junho a 12 de julho deste ano, ela ocorrerá entre 11 de junho e 11 de julho de 2021. Entretanto, a entidade não apontou possíveis mudanças nas sedes.

Múltiplas sedes

A ideia de fazer uma Eurocopa espalhada pelo continente veio do ex-presidente da Uefa, Michel Platini, em 2012, como uma forma de comemorar os 60 anos da competição, iniciada em 1960. O ato, entretanto, foi visto como político junto às federações, mesmo dificultando a logística da competição.

De acordo com o Daily Mail, a Uefa está preocupada com a possibilidade de algumas sedes desistirem da realização dos jogos por causa da pandemia. A circulação de muitos estrangeiros por todo o continente poderia ser um fator para espalhar a Covid-19 novamente pelos países.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO