Saiba o que é e como usar o colágeno hidrolisado

Suplemento alimentar traz diversos benefícios para a saúde e diminui os efeitos do envelhecimento.

Os suplementos alimentares, de maneira geral, são capazes de agregar a ingestão de nutrientes à dieta alimentar do paciente, cumprindo assim uma demanda fisiológica do corpo.

Desde os mais famosos pelos adeptos da musculação, como Whey Protein e a Creatina (usados para ganho de massa muscular e força), até os menos conhecidos, eles são uma realidade dentro das casas brasileiras.

Cerca de 30% das fibras do nosso organismo possuem como base estrutural o colágeno

Segundo pesquisa da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos para Fins Especiais e Congêneres (Abiad), 54% dos lares no Brasil consomem algum tipo de suplemento alimentar. E, entre eles, está o colágeno hidrolisado.

Cerca de 30% das fibras do nosso organismo possuem como base estrutural o colágeno. Por isso, a ingestão do suplemento ajuda a melhorar a aparência da pele, das unhas, do cabelo e fortalece também as articulações.


O que é o Colágeno Hidrolisado?

O colágeno é uma proteína estrutural do nosso corpo, com importante papel na sustentação e construção de tendões, ligamentos, músculos e pele.

Por ser uma proteína de “suporte”, na pele, funciona como a estrutura do órgão, para que as células permaneçam unidas e saudáveis.

Existem 16 tipos diferentes de colágeno no corpo. Mesmo sendo uma proteína produzida pelo organismo, a partir dos 30 anos, ocorre o início de um processo natural de perda dessa substância, consequência do próprio envelhecimento.

O colágeno é, portanto, um suplemento que permite a reposição ou mesmo fortalecimento dessa proteína no organismo.

Benefícios do colágeno hidrolisado

A ingestão deste suplemento alimentar têm ação direta no estímulo da produção natural pelo organismo dessa proteína tão importante para o bem-estar e estética do corpo.

Com ampla versatilidade e alta adaptabilidade clínica, o colágeno oferece benefícios em diferentes partes do seu corpo, como:

● melhora na elasticidade da pele,
● minimização de rugas e marcas de expressão,
● fortalecimento da musculatura,
● reforço estrutural das articulações
● auxílio no emagrecimento.

É importante destacar que o colágeno hidrolisado também é utilizado para o tratamento de doenças como a osteoporose e a osteoartrite, uma vez que contribui para diminuição de dores crônicas.

Como consumir o colágeno hidrolisado

Atualmente, é possível encontrar o suplemento em diferentes apresentações no mercado.

O primeiro ponto para se ter atenção nesse momento de escolha é buscar pelo produto que seja hidrolisado. O suplemento com essa especificação é melhor absorvido no intestino, potencializando assim os efeitos e benefícios.

É possível comprar o colágeno hidrolisado em pó ou em cápsulas. Isso facilita o consumo de acordo com hábitos alimentares e rotinas diárias de cada pessoa.

A indicação média é de que cada pessoa pode consumir cerca de 10g de colágeno por dia. Essa quantidade equivale a mais ou menos uma colher de sopa do produto ou duas cápsulas.

Há especialistas que indicam que o produto deve ser ingerido à noite, pouco antes de dormir, mas não é uma regra.

Outra indicação é combinar o consumo do colágeno hidrolisado a outros suplementos e alimentos que potencializam a ação dele.
Neste caso, são indicados a Vitamina C, proteínas de qualidade, como ovos, cogumelos, gérmen de trigo e gelatina.

Para obter todos os benefícios do colágeno e com segurança, é ideal é consultar um nutricionista para obter a indicação de ingestão específica de acordo com a sua necessidade.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO