Decreto reforça medidas de combate à Covid-19 em Santana do Paraíso

Conforme o texto, os estabelecimentos comerciais, como supermercados, hipermercados e demais comércios de gêneros alimentícios deverão adotar, obrigatoriamente, medidas preventivas para evitar a aglomeração de pessoas

A Administração Municipal de Santana do Paraíso expediu, nesta terça-feira (31), um novo decreto que dispõe sobre novas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). Conforme o texto, os estabelecimentos comerciais, como supermercados, hipermercados e demais comércios de gêneros alimentícios deverão adotar, obrigatoriamente, medidas preventivas para evitar a aglomeração de pessoas.

As medidas que os estabelecimentos devem adotar são:

• Limitação uma pessoa a cada 5m;

• Distância mínima um metro e meio entre cada cliente nas filas dos caixas, com demarcação no piso;

• Designar ou disponibilizar um funcionário para organizar e fiscalizar as filas dos caixas, com o objetivo de orientar os clientes a cumprirem a distância mínima estabelecida;

• Realizar a higienização dos carrinhos e cestas de compras durante todo expediente e após cada utilização pelos clientes;

• Disponibilizar álcool em gel em todas as entradas dos referidos estabelecimentos comerciais, inclusive, em cada caixa;

• Disponibilizar todos os EPI’s necessários para os funcionários desses estabelecimentos comerciais, incluindo máscaras;

• Disponibilizar sabão líquido e papel toalha nos sanitários.

Segundo o decreto, caso os estabelecimentos descumpram as exigências estabelecidas, o Poder Executivo poderá determinar a suspensão do alvará sanitário e/ou alvará de funcionamento, além de aplicar multa pecuniária de até 100 UFPSP (Unidade Fiscal Padrão Santana do Paraíso), de forma isolada ou cumulativa, de acordo com a gravidade e o potencial lesivo das infrações.

Flexibilização

Nesta quarta-feira (1º), será expedido um decreto sobre a possível flexibilização do horário do comércio em Santana do Paraíso. De acordo com a Procuradoria, os detalhes do texto estão sendo finalizados.

Na última segunda-feira (30), a prefeita Luzia de Melo, se reuniu com alguns empresários para discutir sobre a possibilidade da reabertura gradativa de parte do comércio. Na reunião, ficou decidido que os pedidos dos comerciantes serão analisados pelas equipes técnicas do Executivo.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Fernando 02 de abril, 2020 | 08:53
Sou cliente da loja do Cidade Nova e tenho visto o Supermercado varias medidas, como proteção nos caixas, higienização de carrinhos, gel nos caixas e outras que não estou lembrando no momento.
Dilvo Roque 01 de abril, 2020 | 19:10
Interessante o Comentário da Sra. Alexia, realmente é importante observarmos os estabelecimentos mas estive no Garcia hoje e percebi que estão muito responsáveis na prevenção do Corona vírus, inclusive estão esterilizando os carrinhos e forneceram máscaras de proteção para os Caixas além de instalarem um proteção acrílica nos caixas e demarcação de afastamento nas filas. Show de bola. Juntos Venceremos esta Pandemia..
Alexia 01 de abril, 2020 | 10:41
Queria que investigassem o supermercado Garcia no Cidade Nova e observada em a distância de um caixa p outro.Quem não tem segurança nenhuma são os operadores de caixa que estão amontoados um em cima do outro juntamente com os clientes

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO