Não há hipótese para realização dos Jogos Olímpicos, diz presidente do CPB

Para o presidente do CPB: “Essa pandemia é um evento sem precedentes no mundo. Uma grande guerra”

(Agência Brasil)
O presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Mizael Conrado, afirmou em entrevista publicada pelo portal Globoesporte.com nesta sexta (20) que o avanço do novo coronavírus (covid-19) por todo o mundo faz com que não haja “qualquer hipótese para sua realização [dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos] na data prevista [2020]”.

Segundo o dirigente, o ideal é que o evento seja adiado até a mesma época do ano de 2021.

“Acredito que não haverá condições para que se façam os Jogos. Entendo ainda que seria fundamental uma posição imediata do COI (Comitê Olímpico Internacional), que na última semana se manifestou encorajando os atletas a buscarem formas de treinar. Uma mensagem, inclusive, que vai contra o que foi recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), de que as pessoas têm que se isolar”, disse Mizael.

Para o presidente do CPB: “Essa pandemia é um evento sem precedentes no mundo. Uma grande guerra”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO