Início das aulas no CSE de Ipatinga está marcado para hoje

A informação foi confirmada ao Diário do Aço pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), na quinta-feira (13)

Divulgação


As salas de aula receberam consertos do telhado e do forro, além de uma nova pintura

Com oito salas reformadas, por meio de verbas pecuniárias, as aulas no Centro Socioeducativo (CSE) de Ipatinga serão retomadas nesta sexta-feira (14). Os professores que atuaram na unidade neste ano já passaram por capacitação e estão preparados para o início das atividades letivas. A informação foi confirmada ao Diário do Aço pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), na quinta-feira (13).

Em nota, a Sejusp afirmou que as salas de aula receberam consertos do telhado e do forro, além de uma nova pintura. “Todos os adolescentes em medida de internação frequentam a escola. Por motivos de segurança, o número não é informado”, ressaltou.

Reforma
Além da reforma das salas de aula, outras obras no Centro Socioeducativo (CSE) de Ipatinga são realizadas. A reforma na unidade teve início no dia 26 de novembro de 2019, com previsão de término no primeiro trimestre de 2020. Ao todo, serão investidos R$ 95 mil nas obras, dos quais, R$ 50 mil serão destinados para a reforma do prédio e R$ 45 mil para a instalação do sistema de monitoramento eletrônico nos setores de segurança, disponibilizados pelo Ministério Público, conforme foi divulgado pela Sejusp à época.

A reforma inclui troca e manutenção do sistema hidráulico e dos vasos sanitários; correção da iluminação; reforço estrutural da laje; pintura da unidade; construção de vestiário feminino e masculino para os agentes socioeducativos; instalação de caixas d’água; manutenção do aquecedor solar; abertura de ventanas e, por fim, instalação de exaustores junto aos alojamentos, para maior iluminação e ventilação. Os serviços são executados por custodiados do sistema prisional.

O acompanhamento da reforma do CSE de Ipatinga é feito pela comissão de execução interna e fiscalizada pelo departamento de infraestrutura da Sejusp.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Zoio de Zoiar 15 de Fevereiro, 2020 | 12:00
O certo seria dar uma enxada,pá, marreta e outras ferramentas de trabalho braçal, afim de colocar esses meliantes para trabalhar, aos invés de dar tratamento de pensionato para os mesmos. Esses aí que estão sob tutela do ESTADO deveriam trabalhar pesado. Bando de meliantes inservíveis.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO