Senador anuncia emenda parlamentar para hospital em Belo Oriente

O objetivo do encontro foi direcionado à apresentação das ações de sucesso do Pró-Município, projeto implantado pela ACE-CDL

Divulgação


Carlos Viana anunciou a emenda no valor de R$ 250 mil durante encontro com a diretoria da ACE-CDL

A ACE-CDL de Belo Oriente promoveu na última semana um encontro de lideranças com o senador Carlos Viana (PSD), que foi recepcionado pelo presidente da entidade, Edison da Conceição; a vice Maria Helena da Costa; e os diretores Maria Izabel Pinto e Humberto Magnos. Durante o encontro, o senador anunciou uma emenda parlamentar no valor de R$ 250 mil para investimento em melhorias no hospital Jaques Gonçalves Pereira.

O evento realizado no último sábado contou com a presença de representantes do Poder Executivo e Legislativo, líderes religiosos, presidentes de Associações de bairro e entidades de classe, representantes da Cenibra e Instituto Cenibra, da Polícia Militar e de demais Conselhos do Município, informou a ACE-CDL.

O objetivo do encontro foi direcionado à apresentação das ações de sucesso do Pró-Município, projeto implantado pela ACE-CDL. O Pró-Município tem como parte da sua estrutura organizacional a união de esforços entre o poder público, a sociedade civil e a iniciativa privada, explica a entidade.

"Fico imensamente satisfeito de poder estar proporcionando esse encontro com o senador Carlos Viana aqui em Belo Oriente. Agradeço ao meu amigo, Emílio Parolini, que ainda à frente da Federaminas me fez essa promessa. É um ganho enorme para o Pró-Município e para a cidade de Belo Oriente, um senador que acredita e apoia nosso projeto”, destacou o presidente da ACE-CDL Belo Oriente, Edison da Conceição.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Carlos Vieira 12 de Fevereiro, 2020 | 08:00
Esse hospital de Belo Oriente, é de fachada para lavagem de dinheiro. Diversas denúncias foram feitas na Procuradoria de crimes de Prefeito, Tribunal de Contas e Promotoria de Açucena, que estão sendo investigadas. O Senador deve ter morrido de vergonha, no momento da sua visita, não tinha nem uma pessoa internada ou sendo atendida. Enquanto os hospitais do Vale do Aço estão abarrotados. Não acredito que essa mensagem seja publicada, mas não custa tentar. Chequem a informação.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO