Jovem escapa de estupro na BR-381 em Belo Oriente

Moradora de Belo Oriente estava em ponto de ônibus em Ipatinga, quando foi abordada por tarado que se identificou como taxista e ofereceu a viagem compartilhada para a cidade da jovem

Alex Ferreira/Arquivo DA


Jovem escapou de tarado e correu para a BR-381, onde pediu socorro aos motoristas que passavam pela rodovia, em Belo Oriente

A polícia procura o motorista de um carro verde que teria tentado estuprar uma jovem de 19 anos em uma estrada vicinal, à margem da BR-381, em Belo Oriente. A vítima conseguiu escapar deste homem e procurou socorro. O autor fugiu sentido a Ipatinga ao notar que carros pararam para acudir a jovem que estava aos prantos na beira da estrada.

Ela relatou que se encontrava em frente a um posto de combustíveis na avenida Pedro Linhares Gomes (BR-381) onde aguardava o ônibus para Belo Oriente, no fim da tarde de sexta-feira (7). Um homem parou nas proximidades um carro e foi até a jovem se apresentando como taxista. Ele queria saber o destino dela e se prontificou levá-la até a cidade de origem dela.

Ao combinar o preço de R$ 14, o motorista informou que pegaria mais duas passageiras na saída de Ipatinga, possivelmente para convencer a jovem a embarcar no carro. Contudo, durante o trajeto, ele não parou para outros passageiros e passou a assediar a vítima oferecendo dinheiro para fazer sexo com ele.

A jovem alega que se negou a fazer qualquer coisa, mas o motorista foi para uma estrada vicinal à margem da BR-381. O motorista tarado ameaçava a vítima de morte, caso não fizesse o que ele queria. No momento em que o carro parou a jovem disse que aproveitou para abrir a porta e sair correndo de volta para a rodovia. O motorista saiu em perseguição, mas recuou quando ela chegou ao asfalto.

Ela gritou por socorro fazendo que alguns carros parassem para acudir a jovem que se encontrava no trecho do município de Belo Oriente. O motorista retornou ao carro e fugiu pela rodovia sentido a Ipatinga. A Polícia Militar foi informada da situação, mas não conseguiu localizar ou identificar qualquer suspeito pelo fato.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Patrícia 08 de março, 2020 | 19:36
Quem está falando que a culpa é da vítima gostaria de saber se fosse vc no lugar da moça, a culpa seria sua? Por isso que tem esses otários que pratica esses crimes porque tem sempre outros otários escondido atrás de um computador pra falar que a culpa é tá vítima ?
Sabonete 10 de fevereiro, 2020 | 09:44
LUCAS SIMAN...VOCÊ ESTÁ CORRETO.....O PROBLEMA É QUE O SER HUMANO ESTÁ PERDENDO O AMOR E O RESPEITO PELO PRÓXIMO....ACHA QUE PODE FAZER TUDO OQUE QUISER COM OS OUTROS....FALTA DE RESPEITO TOTAL, PERDEU-SE O MEDO.....ESSE CARA NÃO TEM REMORSO ALGUM, ELE TEM QUE SER ENCONTRADO....COM CERTEZA NÃO FOI A PRIMEIRA VEZ QUE ELE FEZ ISSO.....E COM TODA CERTEZA QUE ELE IRÁ AGIR NOVAMENTE....ESSE CARA É UM ASSASSINO EM POTENCIAL...POIS DEPOIS DO ATO CONSUMADO, ELE VAI ELIMINAR A VÍTIMA.....
Lucas Siman 10 de fevereiro, 2020 | 02:06
Ana Teodoro, eu sou de Belo Oriente e o que mais tem são esses "taxistas" que oferecem viagem, a maioria é daqui mesmo e coincidentemente cobram exatamente o preço que ele cobrou, 14 reais. Todo mundo aqui na cidade é acostumado a pagar essas viagens, é praticamente cultural já, ela não foi ingênua, ela só agiu como a maioria das pessoas daqui, pegou um taxi. Então assim, não fala coisa que não sabe e muito menos coloque a CULPA na VÍTIMA.
Ana Teodoro 08 de fevereiro, 2020 | 16:18
Sozinha entra no carro de desconhecido quer morrer mesma...só Jesus na causa

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO