Programa ''Saúde na Noite'' começa a funcionar nesta quinta-feira

Atendimento em 11 Unidades de Saúde em Ipatinga será feito das 16h às 22h, além do horário regulamentar já praticado por todas as UBS's

Divulgação


Na manhã de hoje, o prefeito Nardyello Rocha se reuniu com profissionais que vão atuar no programa

Começa a funcionar nesta quinta-feira (6) o Programa “Saúde na Noite”, que vai estender o horário de atendimento aos cidadãos em 11 das 21 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) de Ipatinga. Nestes locais específicos, em várias regiões da cidade, além do expediente convencional a comunidade será assistida também de 16h as 22h, de segunda a sexta-feira.

O anúncio do início das atividades foi feito na manhã desta quarta-feira (5), pelo prefeito Nardyello Rocha, acompanhado da secretária de Saúde, Érica Dias. O chefe do Executivo recebeu na sala de reuniões de seu gabinete os mais de 50 profissionais contratados para compor as equipes de atendimento. Os auxiliares de saúde bucal, dentistas, enfermeiros, médicos clínicos e técnicos de enfermagem foram convocados para receberem todas as informações necessárias do corpo técnico da Secretaria de Saúde para início de suas atividades, informa o Executivo.

Na oportunidade, o prefeito destacou o trabalho de humanizar o atendimento médico na cidade. “Fazendo um estudo mais profundo, vimos que as principais queixas das pessoas não eram em relação à falta de médicos ou de remédios nas unidades e sim quanto às formas de atendimento. Por isso fiz questão de conhecer os novos profissionais e mostrar a responsabilidade que cada um deles tem de transformar a qualidade da saúde na cidade”, disse Nardyello.

A secretária de Saúde completou que, com a ampliação do atendimento, a ideia é tornar a Atenção Primária mais eficiente. “Com algumas Unidades de Saúde funcionando em horário estendido, esperamos desafogar os serviços de emergência da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e HMEM (Hospital Municipal Eliane Martins), onde a população busca atendimento em horários que muitas vezes as UBS’s já estão fechadas”, enfatizou Érica Dias.

Programa
Os serviços que serão ofertados à população incluem desde consultas médicas e odontológicas à realização de curativos, teste de rastreamento para Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) e aplicação de vacinas, entre outros procedimentos.

Das 11 Unidades Básicas que funcionarão em horário ampliado, cinco contarão com atendimento médico e odontológico. São as UBS’s dos bairros Esperança, Canaã, Limoeiro, Vila Celeste e Vila Militar. Já as Unidades de Saúde dos bairros Jardim Panorama, Iguaçu, Bom Jardim, Veneza II, Bom Retiro e Esperança II prestarão exclusivamente atendimento médico.

O governo municipal ressalta que o funcionamento do “Saúde na Noite” somente foi possível após a cidade atender exigências de adesão específicas do Programa Saúde na Hora, lançado em maio do ano passado pelo Ministério da Saúde. Entre os requisitos está o de manter a composição mínima das Equipes de Saúde da Família – com médico, enfermeiro, dentista e auxiliar de enfermagem – sem reduzir o número de equipes que já atuam no município. A UBS também deve funcionar sem intervalo de almoço, de segunda a sexta, e dispor de prontuário eletrônico implantado e atualizado.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Maria 06 de fevereiro, 2020 | 09:40
E o pagamento das férias vencidas ???
Falta do pagamento das férias deixa os funcionários desanimados ,pois precisamos desse dinheiro pra honrar nossos compromissos
Jb2019 05 de fevereiro, 2020 | 23:15
Eleições municipais chegando, começa aparecer coisas desse tipo. Já Já acaba.
Marco 05 de fevereiro, 2020 | 21:16
Q venha 2024 pq e só nessas datas q os milagres acontece.
Zulma Batista 05 de fevereiro, 2020 | 16:35
Parabéns Nardyello pela iniciativa de estenser o atendimento médico.
A UPA está ficando muito cheia e este procedimento vai facilitar para quem precisa de urgência.
Zulma Batista 05 de fevereiro, 2020 | 16:34
Parabéns Nardyello pela iniciativa de estenser o atendimento médico.
A UPA está ficando muito cheia e este procedimento vai facilitar para quem precisa de urgência.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO