Roubo em lanchonete no residencial Porto Seguro termina com um preso

Suspeito abordado pela PM teria levado os autores do roubo em seu carro à lanchonete onde ocorreu o roubo

Wellington Fred


O Astra tomado de assalto foi abandonado ao lado do campo de futebol do bairro Novo Cruzeiro, em Ipatinga

Um homem de 30 anos foi preso depois de um assalto em uma lanchonete no Residencial Porto Seguro, em Caratinga, bairro que fica à margem da BR-458.

Três bandidos armados roubaram pertences das vítimas e levaram um Chevrolet Astra, veículo abandonado durante a fuga da polícia em Ipatinga. W.A.C. foi preso por ter levado os autores ao local do crime em seu carro.

As vítimas relataram que se encontravam na lanchonete por volta das 22h de terça-feira (4), quando chegaram ao local três criminosos armados e, de forma truculenta, anunciaram o assalto. Eles roubaram dinheiro e celulares das pessoas no estabelecimento. O trio avistou o Astra de um dos frequentadores e também roubou o veículo.

No momento em que eles caminhavam para o carro, um dos autores do roubo disparou um tiro na direção de uma pessoa, que caminhava em direção a lanchonete. Por sorte, o alvo não foi atingido. O trio embarcou no Astra e fugiu pela BR-458 acompanhado de um outro carro, possivelmente um Peugeot de cor prata.

Neste momento, uma viatura do Grupo Tático Rodoviário (GTR) da Polícia Militar Rodoviária se encontrava nas proximidades do posto Rafaela, no distrito Industrial de Santana do Paraíso. Os policiais foram avisados por uma pessoa ter avistado três ocupantes em um Peugeot de cor prata e um deles portava uma arma de fogo.

Assim que os policiais foram para o local indicado, viram no sentido contrário o Peugeot e logo atrás um Chevrolet Astra. Os policiais não sabiam naquele instante sobre o assalto ocorrido e nem a situação do segundo carro, pois estavam com a atenção voltada para o carro prata.

No momento que tentavam parar o Peugeot, foi anunciado na rede de rádio a ocorrência do roubo à mão armada e que os autores roubaram um Astra Preto.

Os policiais viram o carro seguindo rumo a Ipatinga e foram atrás. Enquanto isso, o outro carro, o Peugeot, entrou no acesso ao aeroporto do Vale do Aço.

Furou bloqueio da PM

Outras equipes da PM fizeram uma barreira policial nas proximidades da Praça Caratinga, na avenida Cláudio Moura (trecho urbano da BR-458). O condutor do Astra não obedeceu às ordens de parada e por pouco não atropelou os policiais no cerco. Os militares dispararam tiros para se protegerem.

O motorista manteve a fuga em alta velocidade e acessou o bairro Novo Cruzeiro, depois de furar sinal vermelho, não respeitar parada obrigatória e passar nas ruas estreitas do bairro, por pouco não atingido pedestres. Na última tentativa de fugir dos policiais eles atravessaram o canteiro central da avenida Roberto Burle Marx e foram parar ao lado do campo de futebol.

Na queda de uma altura de dois metros, o Astra ficou danificado. Os ocupantes abandonaram o veículo e um deles chegou a apontar a arma para um dos policiais que se aproximava do local, ato que provocou a reação do PM, que efetuou um disparo de pistola para se defender da ameaça. Os criminosos ainda conseguiram fugir pela mata existente à margem do ribeirão Ipanema.

Abordagem ao Peugeot

Enquanto ocorria a perseguição em Ipatinga, outra equipe da PM, de Santana do Paraíso, conseguiu abordar o Peugeot conduzido por W.A.C. que negou inicialmente qualquer envolvimento com o roubo.

O condutor entrou em contradições e acabou confessando que levou três indivíduos ao local do assalto. No interior do carro foi localizado um cartucho de calibre 38.

W.A. foi encaminhado para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil e o carro dele removido ao pátio credenciado pelo Detran. O Astra, que apresentava três perfurações de tiros na lataria, também foi removido ao depósito de veículos apreendidos. Dos três assaltantes, dois deles já foram identificados e estão sendo procurados pela polícia.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO