Homem é preso por dar golpe em empresas de aluguel de mesas para festas

O valor de mesas recuperadas é avaliada em R$ 16 mil, conforme a Polícia Militar de Iapu

Reprodução de vídeo


Comerciante em Iapu foi vítima do golpista e teve bens recuperados pela polícia

Um homem de 38 anos foi preso essa semana por estelionato aplicado nos municípios de Iapu, Caratinga, Bom Jesus do Galho, Inhapim e Tarumirim. Ele agia alugando jogos de mesas e cadeiras para festas de empresas de locação nas cidades e desaparecido com os produtos. O valor de mesas recuperadas é avaliada em R$ 16 mil, conforme a Polícia Militar de Iapu, que desarticulou o esquema do homem preso depois que ele deu um golpe em um comerciante local.

O sargento Welinton Porto, da Polícia Militar de Iapu, contou ao Diário do Aço que o proprietário de uma empresa de floricultura e locação de mesas na cidade havia sido lesado por um homem. O golpista alugou 25 jogos de mesas e pagou R$ 150 pelo aluguel. O cliente alegou que era morador da zona rural de Iapu e levou o material em uma caminhonete Fiat Strada.

As 25 mesas e 100 cadeiras estavam avaliadas em R$ 7 mil, segundo a vítima, contudo a pessoa não mais atendeu às ligações da empresa. Os policiais foram informados da situação, inclusive, divulgaram um vídeo pedindo informações sobre o paradeiro do homem que teria lesado a empresa de locações.

Essa semana, com a troca de informações entre policiais civis e militares, os policiais de Iapu foram informados que uma pessoa havia sido conduzida para a delegacia de Caratinga por um crime semelhante praticado em outra cidade. Com uma foto do detido, o comerciante de Iapu confirmou ser a mesma pessoa que lhe alugou as mesas na semana passada.

Estelionatário localizado em Caratinga

O suspeito do estelionato, C.A.A., de 38 anos, foi localizado em Caratinga por policiais militares e negou ter envolvimento com o caso, mas entrou em várias contradições. C.A. foi reconhecido como autor de aluguel de mesas em cidades de Inhapim, Tarumirim e Bom Jesus do Galho, este último caso foi o que resultou na sua condução à delegacia de Caratinga.

Diante dos fatos, o homem acabou confessando os crimes e disse que vendeu os jogos de mesas para diversas pessoas. Uma delas foi localizada. Trata-se de um homem que comprou 50 mesas e 200 cadeiras do golpista. Apenas R$ 965 foram recuperados da venda dos objetos ilícitos, dos quais R$ 900 estavam com a amásia do golpista. A mulher alegou não saber da origem do dinheiro.

O sargento Porto informou que o material das vítimas recuperado é avaliado em R$ 16 mil. O preso foi encaminhado para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Ipatinga, na noite desta terça-feira (21), após várias diligências da PM para esclarecer toda a situação.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Sabonete 24 de Janeiro, 2020 | 12:40
LEANDRO...GARANTO QUE ISSO VÃO VAI AJUDAR...NEM CIRCUITO INTERNO DE CÂMERA ESTÁ INTIMIDANDO OS VAGABUNDOS.....QUANDO A PESSOA É VAGABUNDA....ELE NÃO ESTÁ NEM AI PARA NADA......PORQUE A PESSOA SABE QUE NÃO VAI ACONTECER NADA COM ELA....A ÚNICA COISA, SERÁ UMA OCORRÊNCIA......E BREVEMENTE ESTARÁ NAS RUAS APLICANDO O MESMO GOLPE...O GOLPE VAI SER O MESMO, PORÉM EM ENDEREÇO DIFERENTE...
Leonardo de Castro Gondim 24 de Janeiro, 2020 | 06:43
Como evitar esse tipo de golpe;

* Quando alugar, peça 50% do valor no ato da entrega, geralmente os estelionatários não terá o dinheiro para pagar , ps: Não tenha medo de perder a locação, se ela for real a pessoa vai alugar de qualquer maneira.

* Faça uma visita técnica no local da ( Festa ) uns dias antes afim de verificar se o local existe;

* Peça e pegue o telefone do dono do salão de festas ( se for o caso ) e o avise que vai recolher com ele e que ele ( o dono ) será o responsável;

* Tire fotos do material no local onde deixou ( inclusive da pessoa que está recebendo ) o material;

* Peça a pessoa para assinar o recibo ( pode fazer a mão ) e peça a identidade ou habilitação para conferir na hora ;

* Faça a entrega de surpresa; o fator surpresa vai desarmar o Golpista pois ele não terá reação e vai , ou ficar muito nervoso ou vai desisitir do Golpe;

Se ele mora no local ou se a festa for verdadeira , sempre terá alguém responsável no local para recebimento dos materiais da festa da pessoa, espero ter ajudado.
Sabonete 23 de Janeiro, 2020 | 16:54
É PICARETA PARA TODOS OS LADOS....E BREVEMENTE ESTARÁ NAS RUAS APLICANDO O MESMO GOLPE....POIS É A ÚNICA COISA QUE ELE SABE FAZER.....DAR PREJUÍZO NAS PESSOAS..!...CADÊ A FOTO DO SAFADO...?

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO