Egídio, Henrique e Marquinhos Gabriel devem deixar o Cruzeiro




O elenco do Cruzeiro se reapresentou na segunda-feira, na Toca da Raposa II, para o início dos trabalhos da pré-temporada. A rotina de 2020 começou sem muitas certezas de quem continua e de quem sai do clube. Entre os atletas que devem deixar o Cruzeiro estão o lateral esquerdo Egídio, o volante Henrique e meia Marquinhos Gabriel.

Egídio e Henrique negociam com o Fluminense; enquanto Marquinhos é alvo do Athletico-PR, para onde deve ir por empréstimo de um ano. Os três têm salários altos e, como já foi adiantado pelos mandatários celestes, o clube não irá atrapalhar negociação dos medalhões da equipe.

A ideia é que Henrique siga para o Flu por empréstimo de um ano; e Egídio rompa o contrato com o Cruzeiro para assinar com o clube carioca.

Essas saídas se juntam as do meia Thiago Neves e do zagueiro Fabrício Bruno, que acionaram a justiça para rescindir o contrato com o Cruzeiro. O defensor já está em negociações com o Bragantino, campeão da Série B em 2019.

Mais saídas
Quem também pode estar de saída é o lateral direito Orejuela. O Cruzeiro adquiriu os direitos do jogador junto ao Ajax, e agora deve emprestá-lo ao Palmeiras. Outro atleta da posição, Edilson, negocia seu retorno ao Grêmio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO