Saiba como evitar prejuízos com quedas na rede elétrica durante a chuva

Cuidados simples e uso de equipamentos de proteção de energia ajudam a evitar transtornos durante os temporais de Verão


Apesar das altas temperaturas que a estação mais quente do ano apresenta, existem outros transtornos ligados ao Verão, como é o caso das fortes chuvas que acontecem em boa parte do Brasil.

Segundo dados do Inmet (Instituo Nacional de Meteorologia), entre os dias 09 de 15 de dezembro, a previsão indica que os maiores acumulados de chuva ficarão concentrados no estado de São Paulo e no sul de Minas Gerais, com valores de até 200 mm. Valores entre 80 e 150 mm podem ser registrados no Amazonas, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Já no período entre 15 e 21, as chuvas deverão ficar concentradas no extremo oeste do Amazonas, no Acre e nos estados da Região Sul do país, mas com valores máximos em torno de 100 mm.

Além dos perigos causados por alagamentos, deslizamentos e quedas de árvores, que resultam em mortes e na perda de bens materiais, bem como as dificuldades de transporte, as fortes chuvas de Verão também podem afetar a rede elétrica e, por consequência prejudicar não só aparelhos eletrônicos, como causar acidentes. De acordo com Pedro Al Shara, CEO e engenheiro elétrico da TS Shara, fabricante nacional de nobreaks e estabilizadores de tensão, este é um momento que todos devem tomar muito cuidado. “As fortes chuvas podem causar tanto apagões como choques elétricos provenientes dos raios, dessa forma, além dos aparelhos elétricos e telefônicos correrem riscos, os seus consumidores também são um alvo”, comenta.

O especialista afirma também que os blecautes e as oscilações de energia diminuem o tempo de vida dos equipamentos. Por isso, o uso de equipamentos de proteção de energia, como nobreaks e estabilizadores de tensão, é indicado. “Os nobreaks funcionam como reservas de energia para uma hora de necessidade, o que evita a perda de dados e ameniza os problemas causados a qualquer dispositivo ligado a ele. Já os estabilizadores de tensão impedem que os aparelhos sejam afetados diretamente. A diferença é que o estabilizador atua contra as oscilações de energia, nivelando a voltagem recebida e os filtros evitam passagens de altas correntes para outros produtos conectados a ele”, esclarece Al Shara.

Em relação aos raios, que também são evidentes nesta época do ano, Al Shara explica que os choques elétricos causados por esse fenômeno geralmente são resultados de altas descargas energéticas e podem levar desde problemas na circulação sanguínea até a morte. “Um simples banho em dia de tempestade tem a possibilidade de terminar em tragédia. O chuveiro faz parte da rede elétrica da casa e se um raio cair nesse local ou nas proximidades, grandes voltagens aparecem na fiação e a pessoa pode receber uma descarga elétrica”, comenta.

Para evitar muitos desses transtornos, o engenheiro elétrico recomenda alguns cuidados básicos que podem ajudar a proteger os aparelhos eletrônicos, assim como a rede elétrica:

-Evitar tomar banho no momento de chuva intensa.
-Não mexer em aparelhos elétricos durante os temporais e caso necessite, desligá-los da tomada primeiro, para evitar levar um choque.
-Se precisar falar com alguém, dê preferência ao celular ao invés do telefone fixo. Tablets e notebooks só devem ser usados se estiverem desconectados.
-Não se deve entrar em contato com aparelhos de metal protegidos por cabos, como facas e alicates.
-Verificar se não tem algum vazamento, infiltração ou se não está entrando água por alguma janela próxima dos eletrônicos. Caso a água atinja algum equipamento, ele deve ser desligado.
-Não quebre o terceiro pino dos carregadores. Ele serve exatamente para proteger os eletrônicos de cargas elétricas muito altas. Ao invés de quebrar esse pino, use um adaptador de tomada.
-Se houver infiltração na residência todos os disjuntores devem ser desligados.
-Em um problema de grande escala, como a queda de um poste, bombeiros devem ser acionados através do 193.


(TS Shara)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO