Pico Ana Moura receberá mudas e sinalização durante caminhada

O evento está marcado para sábado (14), às 8h

Weler Costa


Os interessados em participar da caminhada já podem fazer as inscrições

O Pico Ana Moura, em Timóteo, terá mais uma caminhada. Mas dessa vez, a atividade contará com outras ações, como reflorestamento e instalação de placas de sinalização na estrada. O evento está marcado para sábado (14), às 8h. O ponto de encontro será no fim da avenida Ana Moura.

Conforme um dos organizadores da caminhada, Ronaldo Gonzaga, o intuito da atividade é revitalizar o Pico Ana Moura, que poderá contar com a ajuda de qualquer pessoa. “Vamos plantar 70 mudas e colocar 17 placas de sinalização ao longo do pico. A participação é livre e gratuita. Os interessados podem fazer sua inscrição por meio do telefone (31) 98977-3154 ou (31) 98552-9226”, informou.

O organizador também destacou que essa será a primeira vez que o pico contará com uma atividade de revitalização. “Os organizadores vão pagar tudo por conta própria. É muito importante a revitalização do Pico Ana Moura, porque contribui para o turismo na cidade, que gera emprego e renda, ou seja, uma melhor qualidade de vida para os moradores. Além disso, queremos sensibilizar o poder público e a sociedade acerca da relevância do Pico Ana Moura. E para 2020, vamos manter o projeto da caminhada, que foi realizada várias vezes nesse ano. Acreditamos muito nesse projeto e em seus benefícios”, afirmou.

Regulamentação
O cume do Pico Ana Moura é ocupado por dezenas de torres de telecomunicações, algumas das quais interligam o Vale do Aço às torres em Belo Horizonte e outros pontos. Com isso, no início de julho, a administração de Timóteo criou uma comissão especial com integrantes das secretarias municipais de Planejamento, Fazenda e Desenvolvimento Econômico e Turismo para elaborar um Projeto de Lei sobre o licenciamento urbanístico e ambiental para a instalação de infraestrutura de suporte para equipamentos de telecomunicação no município.

A instalação e licenciamento de infraestrutura de suporte para equipamentos de telecomunicação, autorizados e homologados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), deverão observar as normas ambientais e urbanísticas aplicáveis de acordo com o interesse local e legislação estadual e federal, detalhou o governo municipal.

O município não teve uma legislação específica regulamentando a ocupação do Pico do Ana Moura. Atualmente, pelo menos 10 empresas de telecomunicações, entre as quais de telefonia móvel, emissoras de rádio e TV possuem torres instaladas no Pico do Ana Moura. Com a regulamentação, as empresas que possuem torres no pico, terão que se adequar à nova legislação.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO