Elias é um dos primeiros a deixar o Atlético

Quem também não está garantido para a próxima temporada é o zagueiro Leonardo Silva, de 40 anos

Bruno Cantini


Intenção do clube é acertar com o volante uma saída amigável

Os primeiros atletas que começam a deixar o Atlético no fim da temporada são o volante Elias, o meia atacante Geuvânio e o goleiro Wilson. Os contratos dos dois últimos terminam no fim de 2019 e não serão renovados. O volante tem vínculo até o fim de janeiro, mas a intenção da diretoria é acertar a saída de forma amigável. O clube, porém, tem pendências financeiras com o atleta, o que pode complicar o acerto.

Quem também não está garantido para a próxima temporada é o zagueiro Leonardo Silva, de 40 anos. O contrato termina no fim do ano, mas ele quer disputar O Campeonato Mineiro. Agora a decisão cabe à diretoria.

O atacante Ricardo Oliveira, de 39 anos, tem vínculo até o fim de 2020. Mas a ideia dos mandatários alvinegros é rescindir o contrato, por causa do desempenho ruim do jogador ao longo do ano.

Outras presenças incertas para 2020 são as do meia Chará, que desperta o interesse de outros clubes; Luan, que está sendo sondado por um clube japonês e Nathan, que tem contrato até janeiro.

Por outro lado, o clube estendeu o vínculo do meia atacante Marquinhos, de 20 anos, até 2023. Agora a intenção é renovar com o goleiro Cleiton, que está sendo sondado pelo Bragantino.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO