Cruzeiro vai enfrentar o Palmeiras com desfalques importantes

Bruno Haddad


Robinho sofreu uma lesão no joelho e deve ficar seis meses sem jogar

Na derrota para o Grêmio nesta quinta-feira, em Porto Alegre, o Cruzeiro perdeu também quatro jogadores importantes para a partida decisiva de domingo, contra o Palmeiras, no Mineirão.

No revés por 2 a 0 em Porto Alegre, o lateral direito Edilson e o volante Ariel Cabral levaram o terceiro cartão amarelo, o lateral esquerdo Egídio foi expulso e o meia Robinho saiu de campo lesionado. Robinho sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho esquerdo e deve ficar seis meses afastado do gramado.

Para ocupar as vagas, o técnico Adilson Batista deve recuar Orejuela para o lugar de Edilson; escalar Dodô no lugar de Egídio; no lugar de Ariel Cabral, o substituto deve ser Jadson; Marquinhos Gabriel deve entrar no lugar de Robinho.
Na 17ª posição com 36 pontos, dois a menos que o Ceará, o Cruzeiro precisa obrigatoriamente vencer o Palmeiras no Mineirão e torcer por uma derrota do Ceará contra o Botafogo, para garantir a permanência na Série A do Brasileirão. Somente essa combinação de resultados livra a Raposa do rebaixamento.

Arbitragem

Na sexta-feira, a CBF definiu o árbitro de Cruzeiro x Palmeiras. Será Marcelo de Lima Henrique (CBF/RJ), que apitou um jogo em que o Cruzeiro precisava vencer para se livrar do rebaixamento à Série B, no clássico contra o Atlético, na rodada final do Brasileiro de 2011. Na oportunidade, a Raposa goleou o rival por 6 a 1, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, e escapou da degola.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO