Santana do Paraíso aciona Copasa na Justiça por desabastecimento de água

O executivo de Santana do Paraíso informou que ingressou com uma ação judicial contra a Copasa pelos constantes problemas no abastecimento de água no bairro Cidade Nova. Segundo o procurador Geral Vinícius Pinheiro de Andrade, o município, “como poder concedente, não pode admitir que a concessionária negligencie o atendimento à população, ainda mais se tratando de um serviço essencial como o abastecimento de água”.

Ainda segundo o procurador, depois de algumas notificações efetivadas pelo município para regularização do serviço e sem providência satisfatória da empresa concessionária, não restou outra alternativa senão a propositura da ação judicial para pedir ao Poder Judiciário que obrigue a Copasa a regularizar a abastecimento do bairro Cidade Nova.

Na ação judicial, o município pede que o Poder Judiciário conceda liminar para obrigar a Copasa a regularizar o serviço imediatamente, seja por meio de caminhões-pipa ou qualquer outro meio eficaz, além de fixação de multa diária em caso de descumprimento da obrigação. Por fim, requer a condenação da Copasa para regularizar e adequar seu sistema de fornecimento de água no bairro Cidade Nova.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO