Gestações de alto risco terão acompanhamento com novo aparelho

Para utilizar o serviço, após a consulta com o médico ou enfermeiro da unidade de saúde, a gestante é encaminhada ao CEPS, onde o especialista em pré-natal de alto risco avalia a gestação em versão holística

Divulgação


O aparelho registra a frequência cardíaca e os movimentos do bebê durante a gravidez

Com o intuito de intensificar a qualidade da assistência à saúde da mulher – e da criança –, a Secretaria de Governança da Saúde de Coronel Fabriciano adquiriu um aparelho de cardiotocografia fetal (CTG), inicialmente para atender as pacientes com gestações de alto risco acompanhadas pela rede municipal. Objetivo é garantir mais segurança às mães durante toda a gestação e às suas crianças. O investimento é de R$ 12,5 mil em recursos próprios da administração municipal.

Em até 30 minutos, o aparelho registra a frequência cardíaca e os movimentos do bebê durante a gravidez. Ao fim, é gerado um laudo semelhante ao eletrocardiograma, que será interpretado pelo médico especialista no Centro de Especialidades e Programas de Saúde (CEPS). “O aparelho é de extrema importância nesse momento para o pré-natal de alto risco. Em Fabriciano, priorizamos a assistência integral dentro da proposta estabelecida pelo prefeito e que aplicamos com muito rigor na secretaria”, afirma o Secretário de Governança da Saúde, Ricardo Cacau.

Para utilizar o serviço, após a consulta com o médico ou enfermeiro da unidade de saúde, a gestante é encaminhada ao CEPS, onde o especialista em pré-natal de alto risco avalia a gestação em versão holística. O agendamento é realizado no CEPS pela própria equipe.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO