Encomenda de haxixe termina em prisão em Timóteo

Caso foi descoberto como desdobramento de apreensão de plantação de maconha no bairro Petrópolis

Divulgação PCMG


Traficante usou serviços dos Correios para encomendar droga de Foz do Iguaçu

A equipe da Delegacia de Polícia Civil em Timóteo, em continuidade às investigações referentes ao tráfico de drogas no qual foi encontrada uma plantação de cannabis sativa, a planta da maconha no bairro Petrópolis, no dia 14 de setembro de 2019, prendeu em flagrante nessa segunda-feira (4) mais uma pessoa, por envolvimento com o tráfico de drogas.

Policiais prenderam em flagrante P.E.P.O, de 28 anos, no momento em que ele recebia dos Correios um pacote despachado contendo haxixe (produto resinoso seco extraído das flores e frutos da cannabis sativa, planta com a qual se produz maconha).

Tudo começou com a apreensão de quase duzentos pés de maconha encontrados pela Polícia Militar no bairro Petrópolis, plantação esta que era cultivada em uma estufa, dentro de um galpão onde foi montado um sistema de manejo, crescimento, colheita e venda, conforme noticiado pelo Diário do Aço.

Depois da apreensão, policiais civis que deram prosseguimento às investigações tiveram conhecimento que o comerciante V.J.C, de 27 anos, além da propriedade da plantação no bairro Petrópolis, estava ameaçando de morte uma pessoa que ele acredita ter informado aos policiais militares a localização da estufa com o cultivo de plantas cannabis sativa, plantas essas selecionadas e uma concentração maior de princípio ativo.

Devido às ameaças no curso das investigações, a PC pediu a prisão temporária de V.J.C, o que foi deferido pelo juiz da Vara Criminal da Comarca de Timóteo.

No cumprimento do mandado de prisão foram encontrados em posse de V.J.C. 84 comprimidos de ecstasy, comprimidos para impotência sexual e outros documentos.

No meio dos documentos foi encontrado um código de rastreamento de uma encomenda nos Correios, cujo remetente era da cidade de Foz do Iguaçu, no paraná, e o destinatário P.E.P., em Timóteo.

Os policiais passaram a fazer o acompanhamento da entrega, via sistema eletrônico e na segunda-feira foi observada a entrega do objeto para o destinatário, que foi abordado e preso em flagrante. No pacote foram encontradas cerca de 100 gramas de haxixe, droga avaliada em mais de R$ 2 mil no varejo.

Nas diligências houve a participação dos policiais civis Flávio Lucas, Marcos Rocha, Pedro Gonçalves, Helton Moreira, Raquel Silva e Aline Dias. O titular da Delegacia de Tóxicos, Gustavo Cecílio coordena as ações.

Já publicado sobre esse caso:
Comerciante acusado de plantar maconha é alvo de mandado de prisão
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO