Trio é reconhecido por assaltos no Parque Caravelas e Veneza

Atualizado às 17h04
O trabalho de busca de policiais militares resultou na prisão e reconhecimento de três bandidos envolvidos em um assalto a uma lanchonete, em Santana do Paraíso. O fato ocorreu por volta de 21h de quinta-feira (17), na rua Mogi Mirim, bairro Parque Caravelas.

As vítimas, uma mulher de 38 anos e um homem de 32, informaram para a Polícia Militar que trabalhavam em uma lanchonete, quando parou na porta um Chevrolet Corsa Wind de cor prata.

Duas pessoas ficaram no carro, mas um dos passageiros desceu e, de posse de uma arma de fogo, anunciou o assalto e tomou uma máquina de cartão, R$ 150 em dinheiro, um telefone celular LG K11, um relógio Atlantic, cartões bancários e até documentos pessoais, entre outros objetos.

Policiais militares foram acionados e descobriram que o Corsa Wind prata, com placas de Ipatinga, tinha sido furtado momentos antes do assalto e abandonado logo depois do roubo.

As equipes da PM, em buscas, localizaram quatro suspeitos. Dentre eles, um adolescente de 15 anos e dois jovens, um de 18 e outro de 19 anos foram reconhecidos por testemunhas do roubo. Para complicar a situação do trio, parte dos bens levados do comércio estava com os suspeitos. Já, o telefone celular e a arma usada no roubo não foram encontrados. Os suspeitos reconhecidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil.

Antes de iniciar série de assaltos, jovens criminosos furtaram esse Corsa, no bairro Veneza, em Ipatinga; acabaram presos e reconhecidos por vítimas

Violência no roubo
Momentos antes de roubar na lanchonete, no Parque Caravelas, os mesmos criminosos atacaram um casal de namorados, de 20 e 24 anos, na rua João Pessoa, bairro Veneza, em Ipatinga.

As vítimas informaram para a PM que se aproximou um Chevrolet Corsa. O passageiro desceu armado com uma faca e anunciou o roubo. O namorado gritou para a jovem correr, mas ela caiu e se feriu. Ela teve roubados um celular Moto G Plus e uma bolsa contendo cartão de banco e documentos.

O jovem tentou resistir ao assalto, mas foi dominado e jogado ao solo. Na queda, também teve ferimentos. Os marginais roubaram dele uma carteira contendo um cartão do Banco Santander e identidade.

O casal também fez o reconhecimento visual os três detidos, um adolescente de 15 e os adultos, de 18 e 19 anos. O adolescente é quem segurava a faca e anunciou o roubo.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Abroba 20 de Outubro, 2019 | 18:41
O adolescente se tiver algumas passagens deve ir pro CSE com 6 refeições por dia pagas por nós, os outros 2 vão sair de boa pq o menor vai segurar o BO. Faca na caveira...
Bia 19 de Outubro, 2019 | 17:32
Disse tudo Zé Lelé, queria mto ver isto acontecer.
Ze Lele 18 de Outubro, 2019 | 07:12
Raça maldita, esses pestes tinham q asaltar um pm ou PC p irem direto p inferno.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO