Polícia procura quadrilha que invadiu a TV Cultura para explodir caixas eletrônicos

Bandidos invadiram sede de TV pública em São Paulo, agrediram reféns e roubam caixas eletrônicos

Divulgação PC São Paulo


Disfarçados de entregadores dos Correios, 12 criminosos entraram armados na sede da emissora, na zona oeste de São Paulo

Um grupo de 12 homens fortemente armados fez reféns dentro da sede da TV Cultura, na Água Branca, zona oeste de São Paulo, na manhã de domingo (6). Segundo a Polícia Militar, eles explodiram e levaram dinheiro de caixas eletrônicos instalados na emissora.

Os criminosos chegaram em um carro particular e uma van, disfarçados de entregadores dos Correios, por volta das 10h. Após o roubo, eles fugiram com o mesmo veículo, que foi encontrado abandonado no estacionamento de um supermercado na marginal Tietê.

De acordo com a emissora, os membros do grupo estavam fortemente armados e vestiam "camisetas da emissora e da empreiteira responsável pelas obras do museu sediado na Fundação Padre Anchieta".

Até o começo da tarde, nenhum suspeito havia sido localizado. Também não houve feridos durante o assalto.

As vítimas e testemunhas foram levadas 91º Distrito Policial (Ceagesp).

Nota da TV Cultura

A TV Cultura confirma o assalto ocorrido na manhã deste domingo (6/10), por volta das 7h, em sua sede localizada no bairro da Água Branca.

Doze bandidos fortemente armados, vestidos com camisetas da emissora e da empreiteira responsável pelas obras do museu sediado na Fundação Padre Anchieta, chegaram em um carro particular e uma van dos Correios, e renderam seguranças.

Os criminosos arrombaram dois caixas eletrônicos do posto do Banco do Brasil, e levaram outro na fuga. O caso foi registrado no 91º Distrito Policial (Ceagesp). A Polícia está fazendo perícias no local.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO