Homem é preso por tentar matar a ex-mulher no Vila Celeste

Tiros com bala borracha, gás de pimenta e até bomba de efeito moral tiveram que ser usados para conter a fúria de um homem, que queria matar a ex-mulher. O caso foi registrado por volta de 3h da madrugada de quarta-feira (3), na rua Maçarico, no bairro Vila Celeste, conforme apurado pelo Diário do Aço.

J.A.S., de 37 anos, informou para a Polícia Militar que durante a madrugada acordou e foi cobrir o filho, quando se deparou com o ex-marido na cozinha, com uma faca na mão. Os dois entraram trocaram empurrões e, com a intervenção de familiares, o homem foi embora.

Já, pela manhã, a mulher voltou a acionar a Polícia Militar alegando que, provavelmente com o uso de cópias de chaves, invadiu a residência novamente e, enquanto ela dormia, o ex-marido tentou esfaqueá-la. A mulher reagiu e pegou uma cadeira para defender-se dos golpes. Com os gritos de socorro, E.R.O., de 34 anos, fugiu novamente.

Policiais saíram em busca do acusado, que foi encontrado próximo a um bar na rua Araponga. E.R. recusou-se a busca pessoal pelos policiais e, de posse de uma faca, saiu correndo em direção à casa da ex-mulher, alegando que iria terminar o que tinha começado de madrugada e sua intenção era arrancar a cabeça da mulher.

Diante da agressividade, os policiais envolvidos na ocorrência tiveram que fazer uso da força, com gás de pimenta, bomba de efeito e tiro com bala de borracha.

O homem só parou quando foi atingido por um tiro de munição não letal, no lado esquerdo do abdome, quando decidiu entregar a faca que portava.

Reclamando de dores pelo corpo, o homem foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu atendimento médico, foi liberado e levado para a Delegacia de Polícia Civil.

Conforme relatos da vítima o casal terminou o relacionamento há aproximadamente 20 dias. O ex-marido responderá pelos crimes cometidos com base na Lei 11.340/2006, (Lei Maria da Penha), que versa sobre violência doméstica.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO