Rolker Gracie ministra seminário de jiu-jitsu em Ipatinga

Conforme os responsáveis pela Tokugawa, o seminário visa oferecer oportunidade de aperfeiçoamento para quem busca se desenvolver na modalidade

Divulgação


Faixa coral da modalidade, Rolker é filho Hélio Gracie, responsável pela difusão do Jiu-Jítsu no Brasil

A academia Tokugawa irá receber, neste sábado (5), o seminário técnico de um dos grandes mestres de jiu-jítsu, o faixa coral Rolker Gracie, de 55 anos. O evento terá início às 9h, na sede da academia, no bairro Cidade Nobre, em Ipatinga. Conforme os responsáveis pela Tokugawa, o seminário visa oferecer oportunidade de aperfeiçoamento para quem busca se desenvolver na modalidade.

Os alunos e amantes do jiu-jítsu terão a oportunidade de absorver ensinamentos de uma referência nacional e internacional e que tem o nome da família estritamente ligada à modalidade. No seminário, Rolker também costuma repassar técnicas de defesa pessoal.

Rolker Gracie é carioca nascido no dia 22 de julho de 1964 e o quarto filho de Hélio Gracie, precursor do Brazilian Jiu-Jítsu (BJJ).

Mais informações sobre o seminário pelo telefone: (31) 99867-0749

Trajetória

Rolker, que hoje é faixa coral de jiu-jítsu do 7º grau, começou a treinar aos seis anos por influência do pai. Ele é irmão dos lutadores Relson, Rickson, Royler, Royce, Robin e Rorion, que é co-fundador do Ultimate Fighting Championship (UFC) – maior franquia de MMA do mundo na atualidade. Para os especialistas em artes marcais, Rolker foi provavelmente o Gracie que mais conviveu com seu pai, ensinando jiu-jítsu e dirigindo a academia Gracie Humaitá no Rio de Janeiro.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO