Justiça autoriza ex-goleiro a participar de amistoso

Decisão é da comarca de Varginha; Bruno irá a Poços de Caldas em 5/10

Renata Caldeira/TJMG


Desde julho de 2019, Bruno cumpre pena em regime semiaberto/domiciliar

O juiz Tarciso Moreira de Souza, da Vara de Execuções Penais de Varginha, autorizou o reeducando Bruno Fernandes das Dores de Souza a se deslocar até o município de Poços de Caldas, em 5 de outubro, com o objetivo de atuar em uma partida amistosa de futebol. O atleta poderá sair às 6h de sua casa e retornar, em caráter excepcional, às 21h.

Para deferir o pedido, que foi formulado pela defesa do ex-jogador, o magistrado levou em conta o parecer favorável do Ministério Público.

Desde 19 de julho de 2019, o atleta cumpre pena em regime semiaberto, sob a modalidade domiciliar, por ter sido condenado em júri popular. No julgamento, ele foi considerado responsável pelo assassinato da ex-modelo Eliza Samúdio.

O ex-goleiro já cumpriu mais de nove anos, o que corresponde a aproximadamente 44% de sua pena (20 anos e nove meses).

(TJMG)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Esio de Assis Viana 04 de Outubro, 2019 | 05:41
A justiça nesse país dá nojo. Esse juiz dá nojo
Bolson 03 de Outubro, 2019 | 22:11
ESSE JUÍZ ESTÁ FAZENDO ESSA VERGONHA NACIONAL PORQUE NÃO FOI PARENTE DELE QUE FOI ASSASSINADA E O CORPO DESAPARECIDO.
VERGONHA NA CARA BOM CARÁTER ISSO ESTÁ FALTANDO EM SEU CURRÍCULO.
Bolson 03 de Outubro, 2019 | 22:08
NÃO SEI QUEM É MAIS VAGABUNDO E BANDIDO SE É ESSE CARA SE É O JUÍZ DO CASO OU SE QUEM ESTÁ DANDO CRÉDITO A ESSE VERME .
BRASIL FALIDO PARA O POVO

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO