Palestra aborda felicidade como instrumento da melhoria do atendimento

O palestrante Júnior Miranda, mestrando em emoções pelo Instituto Universitário de Lisboa, tratou da psicologia positiva e níveis de satisfação pessoal

Divulgação


Funcionários da AAPI participaram do treinamento na última semana, no Ipaminas Esporte Clube

A Felicidade como instrumento na construção de um ambiente de trabalho satisfatório, o autoconhecimento e a melhoria das relações pessoais. Estes foram os principais objetivos da palestra organizada pela gerência de recursos humanos da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Ipatinga (AAPI), no último sábado (7), no Ipaminas Esporte Clube, voltado aos funcionários dos principais setores da entidade.

O palestrante Júnior Miranda, mestrando em emoções pelo Instituto Universitário de Lisboa, tratou da psicologia positiva e níveis de satisfação pessoal. Ele lembrou que a felicidade envolve várias áreas do conhecimento com pesquisas criteriosas relacionando seus benefícios para alcançar metas. “Não são as conquistas que trazem sucesso, pelo contrário, graças à felicidade é que se pode alcançar objetivos maiores, incluindo o próprio sucesso”, destacou Júnior.

Recepção

“Gostei do treinamento, achei válido para minha vida profissional. Vou aplicar o que aprendi no ambiente de trabalho e também em vida pessoal”, disse Fabiana Lírio, recepcionista do setor de saúde da AAPI.

O presidente da AAPI, Elias Caetano Ferreira, entende que o maior atraso da humanidade é desconhecer as leis mentais. “O treinamento e as opiniões de cada participante serão levados à avaliação conjunta com o objetivo de melhor atender nosso público externo. Vamos melhorar a relação entre funcionários da AAPI e estabelecer um clima saudável para o atendimento dos associados e seus dependentes”, finalizou Caetano.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO