Andrada, goleiro que sofreu milésimo gol de Pelé, morre aos 80 anos

Após se aposentar da carreira de futebol, Andrada retornou ao esporte em 2007, quando começou a trabalhar como preparador de goleiros do Rosario Central

Reprodução


Causa da morte não foi divulgada

Na noite desta segunda-feira, o ex-goleiro Andrada, conhecido por ter sofrido o milésimo gol de Pelé, morreu aos 80 anos. A causa não foi divulgada.

Ídolo do Vasco, o argentino nascido em Rosário em 1939 atuou pelo clube entre 1969 e 1975, conquistando os títulos carioca de 1970 (encerrando um jejum de 12 anos) e o título brasileiro de 1974 (o primeiro de um time carioca) Além disso, El Gato teve passagem pela seleção argentina, se destacando durante a disputa da Copa América de 1963.

Após se aposentar da carreira de futebol, Andrada retornou ao esporte em 2007, quando começou a trabalhar como preparador de goleiros do Rosario Central. No entanto, o argentino deixou o clube após ter sido acusado de participar do assassinato dos militantes Osvaldo Agustín Cambiaso e Eduardo Pereyra Rossi, durante a ditadura militar no país.

(Gazeta Esportiva)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO