Alunos em Belo Oriente são atendidos pelo projeto ''Investigador Mirim''

Polícia Civil realiza mais uma etapa da ação junto a crianças e adolescentes em escolas do Vale do Aço

Divulgação PC


Cerca de 1,2 mil crianças do município receberam a ação do projeto

A Polícia Civil de Minas Gerais, por meio do Grupo de Intervenção Comunitária da 1ª Delegacia Regional de Ipatinga, deu continuidade ao Projeto Investigador Mirim 2019 e realizou na sexta-feira (23) o segundo ciclo de intervenções. Cerca de 1,2 mil crianças em Belo Oriente foram atendidas pelo projeto, que conta com o patrocínio da Cenibra.

A ação ocorreu nas escolas de Belo Oriente, trabalho realizado por policiais civis para promover laços de cidadania, respeito e valores morais e sociais entre alunos de escolas municipais da região do Vale do Aço. Neste ciclo, as escolas agraciadas com o projeto receberam palestra sobre educação e segurança no trânsito, aprendendo também sobre as atividades do Detran.

A finalidade do projeto é apresentar os inúmeros serviços que a Polícia Civil fornece à comunidade, criando laços de afinidade e aproximação, passar informações importantes aos alunos das escolas que estão em situação de maior vulnerabilidade, oportunizando bons caminhos a serem seguidos, dar esperança e cuidar para que esses jovens não venham a se enveredar para a criminalidade.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Danilo 26 de Agosto, 2019 | 14:51
A policia militar faz um trabalho bonito, espero que esse trabalho da delegacia, os detetives possam ser mais educados com a gente, pois ir na delegacia resolver qualquer coisa é um sacrifício enorme, todos de caras fechadas. Aprovo essa iniciativa, que os novos policiais civis estejam mais próximo da população.
Carlos Souto 26 de Agosto, 2019 | 13:25
Que bom a PC agora abrindo o olho, fazendo igual a PM, se mantendo perto das crianças.
Parabéns. Demorou!!!!!

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO